O que esta acontecendo com o Futebol Mineiro?

Por Tiago Evaristo;

Quem poderia acreditar, que a terra do pão de queijo, da prosa com café, das montanhas verdes, da roça e da cultura caipira, ficaria um dia em uma situação tão atípica no futebol Brasileiro. O futebol Mineiro está em crise. E o mal de fugir do rebaixamento no campeonato Brasileiro de 2011 assola. Trabalho, e a única palavra que se ouve dizer nos centros de treinamentos das equipes do América, Atlético e Cruzeiro. Palavra mais usada a fim de mascarar uma visível crise.

No América quem e o culpado?

Com apenas três vitórias na competição, o Coelho, que voltou à Série A após dez anos, a situação é de se espantar. Primeiramente o América-MG, há 14 rodadas na lanterna do Brasileirão, não consegue somar pontos. Mas o grande erro cometido foi na hora de montar elenco. Primeiramente acreditar no goleiro Flávio, com 40 anos, acreditar em Irênio. E quando foi às negociações contratou Neneca, que caiu para a Segunda com o Santo André, e o Anderson. São jogadores de qualidade, de pique, de prazo de validade e de bola vencidos. Jogadores que estavam na curva descendente. Por esses motivos digo com total certeza que o Coelho já e o primeiro rebaixado de 2011.

Série-B ou tradição?

O Atlético-MG, por sua vez, já participou praticamente a metade do campeonato Brasileiro no Z-4. Com 33 pontos, na 16ª colocação, e é, com 16 derrotas junto com o Avaí, o clube que mais perdeu no torneio. Ainda possui chances matemáticas para fugir do rebaixamento, mas o que vemos em campo esta longe de ser uma equipe entrosada e com recursos para arquitetar uma reação explosiva. Como no América, os dirigentes do Galo não formaram um bom time, coletivamente e individualmente. Seria um ótimo momento para a raça e a tradição e o peso da camisa superar as deficiências técnicas.

A hora de se unirem;

Os torcedores e amantes do futebol, não entendem como o Atlético-MG, com tantos jogadores bons, está nessa posição. Mas se olharmos bem para a equipe do Galo veremos que não e bem assim. É uma equipe fraca, aliado a más contratações. O clube contratou muitos jogadores caros, que tiveram, em certo momento da carreira, uma boa fase, a exemplo como Richarlyson, Toró, Réver e Daniel Carvalho, mas não são grandes jogadores. O próprio André, que foi contratado para resolver, na verdade, só compunha o Santos. Destacou-se porque jogava com Robinho e Neymar. O único jogador que o Atlético-MG tinha de “diferenciado” era o Tardelli.

Barcelona; A grande decepção de 2011

Sem dúvida alguma o Cruzeiro e a grande decepção do Brasileirão 2011. Acostumado a sempre figurar nas primeiras posições da tabela, no começo do ano foi até comparado erroneamente por alguns comentaristas como o “Barcelona das Américas” só porque goleou times medianos e fracos. Logo houve progressivamente, uma grande perda de jogadores como a muitos anos não se via no clube. Não tem lateral, tinha o Jonathan. Na esquerda, o Gilberto criava, mas, em fim de carreira começou a dar varias declarações polêmicas a ponto de se desentender com o meia Roger. O Diego Renan se machucou e sumiu. Saiu o Henrique, que era um dos principais jogadores, corria muito e tinha muito preparo. Paraná já velho não marca mais como antigamente e o Fabrício sozinho com Montillo não faz milagre. Atacantes. Os dois bons foram vendidos. Então, virou um time médio que luta para permanecer na série A. Talvez o fato de tantos tropeços na administração do Cruzeiro partiu da prenuncia do afastamento da diretoria. O presidente Zezé Perrella, que assumiu o Senado Federal, após a morte de Itamar Franco, tem se mostrado pouco parcial no atual momento da equipe…

Acorda Futebol Mineiro!

Dá série; “Notícias que gostaríamos de ver por aí…”;

Por Jefferson Sifuentes;

Inspirado em kibeloco.com.br, apresentamos a série “notícias que gostaríamos de ver por aí”;

“Tostão vence eleição para Presidente do Cruzeiro e nomeia Sorin para o cargo de gerente de futebol”.

“Samuel Rosa, vice-presidente do Cruzeiro, anuncia fim do acordo com o banco BMG. Fly Emirates irá estampar sua marca na camisa azul”.

“Em busca de um substituto para Van der Sar, Manchester United oferece 30 milhões de euros por Fábio. Cruzeiro recusa proposta”.

“Após recusar proposta do Real Madrid por Montillo, Cruzeiro anuncia renovação do contrato do craque argentino. Multa rescisória é £45 milhões”.

O “bonde sem freio” do Flamengo vence o Cruzeiro e se candidata a favorito ao título do Brasileirão, enquanto a Raposa sofre com excessos de volantes e a falta de um camisa 9;

Por Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos do Celeste Blog! Até três rodadas atrás, o Corinthians era o líder absoluto ate então ninguém ameaçava o seu posto de favorito ao título. Veio à partida contra o Cruzeiro e esta história mudou de forma mais rápida que imaginávamos. Ou não…

Eis que o “Bonde em freio” do Flamengo surgiu do nada e agora mais forte do que nunca na competição almeja a liderança atrás de apenas um ponto. Quarta-feira passada, o líder teve dificuldades para vencer o lanterna, mas, venceu. Já o vice-líder engrenado respondeu. Enquanto o Timão ralou para ganhar do América-MG, e somar 31 pontos, o Rubro-Negro bateu o Cruzeiro por 1 x 0, fora de casa, e chegou a 30. Na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, Deivid fez o único gol da partida, após assistência faltosa de Ronaldinho.

Perdendo tabus…

O Flamengo é a única equipe invicta neste Brasileirão, e passou a ser o primeiro time da era dos pontos corridos a passar sem derrota pelos seus 14 primeiros jogos. Agora corre atrás da maior série invicta desde 2003, que pertence a São Paulo (em 2008) e Atlético-PR (em 2004): 18 partidas sem perder durante o campeonato. Além da vitória a equipe Carioca encerrou um incômodo jejum. Das equipes que disputam a Série A em 2011, o Cruzeiro era o clube que o Flamengo não derrotava havia mais tempo. Para se ter uma idéia nos últimos sete jogos, havia perdido todos. A última vitória fora conquistada em setembro de 2007, no Rio.

Raposa sem inspiração?

Desde a eliminação da Libertadores, a equipe Celeste perdeu o foco e a inspiração do seu futebol vistoso comparado até exageradamente ou não, com o Barcelona no começo do ano. O time do técnico Joel Santana estacionou nos 18 pontos e despencou na tabela para o 11º lugar.

Na sua 3ª derrota seguida, sendo a 2ª consecutiva em casa, fez os torcedores chiarem e com motivos. Joel alterou a Raposa para um esquema recheados de volantes, enquanto o presidente do clube Zézé Perrella parece não estar nem por dentro da situação da equipe. Nem Montillo, o craque Argentino, conseguiu encantar. Apesar do esforço, foi sempre bem marcado. Airton e Renato foram seus guarda-costas durante todo o tempo.

Deixa o time jogar Joel! Acorda Perrellas!

Flamengo e Santos realizam o melhor jogo do campeonato Brasileiro, e um dos melhores da história, com destaque para o show das estrelas de Ronaldinho Gaúcho e Neymar;

Por Tiago Evaristo;

Olá meus amigos do Celeste Blog! Sensacional? Fantástico? Quase impossível? Quarta feira passada Santos e Flamengo fizeram uma partida que com certeza entrou para a história dos jogos mais emocionantes do campeonato Brasileiro. O palco Vila Belmiro, válido pela 12ª rodada do Brasileirão. Todos os adjetivos que tentei qualificar para essa partida, com certeza não há nenhum exagero. Foi, enfim, um jogo histórico, que será lembrado por muito e muito tempo.

Os motivos;

O que se pensar durante uma partida no qual uma equipe, sai perdendo por 3 a 0, de depois de miraculosos lances, gols fantásticos a mesma equipe que até então ostentava um revés no placar, reverte e acaba vencendo por 5 a 4, de encher os olhos?

O Brasil esta de volta ao Brasil;

Quando o craque Ronaldinho Gaúcho retornou ao Brasil, ele não só trouxe na sua bagagem sua experiência adquirida e sua habilidade. Também trouxe de volta um futebol vibrante, alegre e emocionante, com cara de Brasil. O mesmo Brasil que a muitos anos atrás deixamos de ver ser jogado por nossas terras. Uma atuação pífia na Copa do Mundo de 2010, seguido de um péssimo e burocrático futebol apresentado pela Seleção Brasileira na Copa América em 2011, nos fizeram deixar de acreditar em um futebol arte, onde poucos nomes ainda detêm essa bandeira, e defende a forma tão bela e verdadeira de se jogar um futebol criativo e bonito.

Se Ronaldinho e craque, Neymar e Gênio;

Apesar da derrota Neymar também brilhou, com dribles desconcertantes e dois gols, o primeiro magnífico, no qual dificilmente se verá novamente nessas terras. Será Neymar tão bom, ou melhor, que Messi?

Santos e Peñarol fazem a primeira partida da final da Copa Libertadores, ficam no empate e levam a decisão para a Vila Belmiro;

Por Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos do Celeste blog! Ontem aconteceu a primeira partida das finais da Copa Libertadores 2011. E como não podia ser diferente foi tenso, brigado, com muita “catimba” e lances perigosos. Mas além de tudo, foi muito bem jogado. Duas equipes com tamanha tradição na competição novamente na decisão após tantos anos. Apesar do resultado magro de 0 x 0 contra o Peñarol, na noite fria em Montevidéu, o Santos aparentemente possui a vantagem agora da última partida, que decide em casa agora quem ficará com taça.

Um jogo “catimbado”, com marcação forte no meio de campo e muita estrátegia em ambas equipes, foi as principais caracteristicas da primeira partida. O Santos mesmo jogando fora de casa começou a partida se movimentando melhor, com mais trocas de passes, segurou a pressão adversária, chegando a acertar uma bola na trave, com Bruno Rodrigo. O Peñarol, por sua vez, se mostrou uma equipe perigosa, jogando nos erros de marcação e de saidas de bolas da equipe Brasileira. Os contra-ataques da equipe anfitria eram de se assustar na maioria das vezes.

Cai cai

Quem esperava um show do craque Neymar se decepcionou. O atacante foi muito bem marcado e voltou a reclamar e cair à toa. Até levou um cartão amarelo por isso. Mesmo com o pouco espaço que ele achava, não conseguiu acertar as jogadas. O Centenário não poderia ser diferente, e se desmanchava em vaias. Houve até um lance em que o lateral Darío Rodríguez ergueu o santista do chão, com um puxão, arrancando aplausos carboneros.

Pelé teve um sonho

A taça sul-americana, foi conquistada pela última vez pela equipe Santista em 1963, diante do Boca Juniors-ARG, e agora esta a uma simples vitória de voltar à Vila Belmiro. Desde então os eternos “meninos da vila” ficaram sem conquistar a competição. Em 2003, o Peixe até chegou em mais uma final, mas foi derrotado pelo mesmo time Argentino no primeiro jogo, em Buenos Aires, por 2 x 0 e já se afastou do troféu. No Morumbi, sofreu outro revés, por 3 x 1, e ficou com o vice.

Agora ou nunca

O empate sem gols dá aos 2 times a chance de jogar por um placar mínimo na quarta-feira que vem, no Pacaembu, para conquistar o tricampeonato da Taça Libertadores. Se houver novo empate, prorrogação. Persistindo o placar, pênaltis.

Ficha Técnica:

Local:
Estádio Centenário, em Montevidéu-URU
Árbitro:
Carlos Amarilla-PAR.
Auxiliares:
Nicolas Yegros-PAR
Rodney Aquino-PAR
Cartões amarelos:
Martinuccio, Corujo (Peñarol)
Neymar, Arouca (Santos)

Após anos de derrotas e fracassos, Vasco se levanta novamente, é campeão da Copa do Brasil 2011, e de presente ganha vaga para a Libertadores 2012;

Por Tiago Evaristo;

Acabou o sofrimento e as humilhações! Nesta quarta-feira o Vasco conquistou pela primeira vez o suado título de Campeão da Copa do Brasil de 2011. Foram anos e mais anos de humilhações, partidas mediocres, crises administrativas, e participações apagadas em campeonatos Brasileiros e estaduais. Para termos uma melhor idéia da importância desse título, de acordo com os números de estatísticas do site da Fifa, foram exatamente 8 anos, 2 meses e 18 dias de uma angustiante espera. A última conquista da equipe Carioca foi o Campeonato Carioca, em 23 de março de 2003. Razões agora de sobra para comemorar a conquista, e soltar o grito “entalado” durante todos esses anos…

A melhor derrota dos últimos anos…

Num jogo sensacional, daqueles que se tem gosto de acompanhar, com uma raça impressionante mostrada por todos os jogadores, ambas equipes jogaram os 90 minutos de forma aberta, buscando o título de qualquer forma, e a qualquer custo. Jogando fora de casa, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, com a torcida toda contra e com um frio de 10 graus a favor dos donos da casa, os jogadores, Éder Luis e Diego Souza deram um show a parte, destaque também para o meia Bernardo, atual queridinho da torcida Vascaína, o atacante Alecsandro, que mostrou decisão marcando 1 dos gols da derrota para o Coxa também foi decisivo. Não menos diferente o goleiro Fernando Prass, que apesar dos 3 gols sofridos, participou com defesas cruciais em momentos decisivos na partida.

O “trem bala” agora segue rumo a Libertadores 2012

Foi uma noite a parte e atípica para milhões de torcedores Cariocas, que depois de tantos anos acostumados com a derrota, se vêem como campeões da Copa do Brasil, e o que é melhor ainda ao meu ver, com uma tão desejada vaga na Copa Libertadores de 2012. Agora o frio no palco da decisão já não importa mais. O calor da conquista aqueceu os corações dentro e fora do estádio de milhões de torcedores Vascaínos. A Copa do Brasil 2011 tem como dono, pela 1ª vez, uma equipe “Luso-Carioca”, mais conhecida nos dias de hoje como “Trem-Bala“. Parabéns Vasco !

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 3 X 2 VASCO

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 8 de junho de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Salvio Spinola Fagundes Filho (SP)
Assistentes: Alessandro A. Rocha de Matos e Emerson Augusto de Carvalho
Cartões amarelos: Léo Gago, Bill e Leonardo (Coritiba); Eder Luis, Eduardo Costa, Felipe e e Jumar (Vasco)

Gols:
CORITIBA: Bill, aos 29, e Davi, aos 44 minutos do primeiro tempo; William, aos 21 minutos do segundo tempo
VASCO: Alecsandro, aos 11 minutos do primeiro tempo; Éder Luis, aos 12 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Édson Bastos; Jonas, Demerson, Emerson e Lucas Mendes (Eltinho); William, Léo Gago (Marcos Aurélio), Marcos Paulo (Leonardo), Rafinha e Davi; Bill
Técnico: Marcelo Oliveira

VASCO: Fernando Prass; Allan, Dedé, Anderson Martins e Ramon; Rômulo, Eduardo Costa, Felipe (Jumar) e Diego Souza (Bernardo); Éder Luis e Alecsandro
Técnico: Ricardo Gomes

Santos vai contra tudo e todos, empata e esta na final da Libertadores 2011

Por Tiago Evaristo;

Santos supera todas as adversidades, bate o Cerro e esta na final da Copa Libertadores

A final da maior competição das Américas chegou! E os torcedores Santistas tem motivos de sobra para comemorar, pois os “Meninos da Vila”, comandados por Neymar, estão na decisão da Taça Libertadores! A vaga foi conquistada depois de muito sofrimento, em uma partida que dava gosto de assistir. Após o empate por 3 x 3 com o Cerro Porteño-PAR, quarta-feira, em Assunção, o Santos conseguiu a chance de conquistar a competição mais cobiçada do continente, exatamente 8 anos depois. Vale a pena lembrar que em 2003, o time de Diego e Robinho perdeu o título para o Boca Juniors na final. Agora, Neymar, Elano e companhia tentarão levar o Alvinegro ao tão esperado tricampeonato continental. Os 2 primeiros foram em 1962 e 63, com o “rei” Pelé em campo.

Na base da raça contra todos

Fora de casa, e em um estadio com mais de 25 mil torcedores incansáveis e apaixonados, que lotaram o estádio General Pablo Rojas, o Santos começou mais concentrado que a equipe anfitriã, e com direito a frango do goleiro do Cerro, o Peixe abriu no primeiro tempo uma larga vantagem de 3 x 1. Até então bem confortável. Mas como sabemos que Libertadores não existe vantagem que conforta a reação Paraguaia na etapa final foi sufocante, mas insuficiente. Destaque no 2º tempo para a qualidade que o goleiro Rafael demonstrou. Que mesmo cedendo o empate de 3 x 3, evitou durante toda a etapa complementar a virada. O empate foi suficiente, porque o Santos havia vencido o jogo de ida, no Pacaembu, quarta-feira retrasada, por 1 x 0. Que venha a final…

Poster; Cruzeiro Campeão Mineiro de 2011

PRÉ-JOGO – CRUZEIRO X ATLÉTICO – A final para salvar o semestre

Por @Cruzeiro_news;

Bem amigos, essa semana não foi nada boa para os Cruzeirenses. Fomos surpreendidos com a eliminação da Libertadores, e por conta disso, o titulo do Campeonato Mineiro virou mais do que uma OBRIGAÇÃO.
Cruzeiro x Atlético jogam nesse Domingo, às 16h00, na Arena do Jacaré, apenas com o torcedor alvinegro. O Cruzeiro tem uma leve vantagem, que é empatar duas vezes e levar o titulo. Portanto, a promessa de um jogão é certa!

Não se pode abalar!

Libertadores já é passado. Perdeu, é sofrido, mas não existe volta. Agora é levantar a cabeça e SER CAMPEÃO MINEIRO. Evidente que isso não apaga a eliminação, mas já é algo. Os jogadores não podem entrar desligados, tristes, e pensando no Once Caldas. Tem que viver o clássico, sentir o clássico e jogar o clássico.
Se o Cruzeiro jogar o que sabe, GANHA tranquilamente. Mas tem que jogar bola!!!

CUCA com problemas para escalar o time.

O Técnico CUCA assim como teve problemas para escalar o Cruzeiro na quarta passada, terá alguns nesse Domingo também. Brandão e Thiago Ribeiro seguem machucados, e Wallyson (relacionado) depende de um teste amanhã para saber se poderá jogar. Caso não passe no teste, o ataque será ORTIGOZA e DUDU.
Outra mudança também pode ocorrer, mas essa menos provável. Devido ao péssimo futebol apresentado pelo PABLO na ultima partida, o Cuca pode improvisar o Paraná na lateral direita, e colocar Leandro Guerreiro como volante no seu lugar.

FICHA DO JOGO:

Local: Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas
Data: 07 de maio de 2011, domingo
Horário: 16:00 (horário de Brasília)
Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa-SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Roberto Braatz (Fifa-PR)

CRUZEIRO: Fábio; Pablo, Gil, Victorino e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Ortigoza e Dudu (Wallyson)

ATLÉTICO: Renan Ribeiro; Patric, Réver, Leonardo Silva e Guilherme Santos; Serginho, Fillipe Soutto, Giovanni e Bernard; Mancini e Magno Alves.

Pré – Jogo – Cruzeiro X Once Caldas/PAR

Por Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos do Celeste blog! Hoje o Cruzeiro termina a caminhada rumo as quartas de finais pela Copa Libertadores? Se olharmos o retrospecto das partidas anteriores, e a forma que a equipe Mineira vem se apresentando com certeza o resultado será positivo.

Quartas

Caso o Cruzeiro passe, já se sabe o seu adversario. Nada mais nada menos que o Santos, adversário que apesar de ter feito a primeira fase meio irregular, possui um elenco fortíssimo, e também e um forte candidato ao título. Uma prova de fogo…

Desfalques importantes

Hoje a equipe terá alguns desfalques consideravéis para a partida. Principalmente no ataque. Thiago Ribeiro, Wallyson e Brandão foram vetados pelo Departamento Médico. Brandão, o último da lista, tem previsão de volta para daqui a 15 dias. A novidade no caso seria a volta de Pablo na lateral direita.

Na minha opinião a provável equipe de hoje será; Fábio, Pablo, Gil, Victorino e Gilberto, Paraná, Henrique, Roger e Montillo, Farias e Ortigoza.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO x ONCE CALDAS-COL

Local: Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas
Data: 04 de maio de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (horário de Brasília)
Árbitro: Antonio Arias (Paraguai)
Assistentes: Nicolas Yegros e Dario Gaona (ambos do Paraguai)

CRUZEIRO: Fábio; Pablo, Gil, Victorino e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Ortigoza e Farías (Wallyson)

Técnico: Cuca

ONCE CALDAS-COL: Martínez; Calle, Amaya, Henríquez e Núñez, Henao, Mejía, Mirabaje e Carbonero; Moreno e Rentería

Técnico: Juan Carlos Osorio

Cruzeiro sofre dificuldades mas vence fora de casa e encaminha a vaga para as Quartas da Libertadores

Por Tiago Evaristo;

Olá amigos do Celeste Blog! Quem já acostumado com as goleadas do Cruzeiro? Convenhamos, no ano de 2011, foram muitas, que deixaram grande parte da torcida bastante otimista com relação a temporada. Mas ontem o que vimos foi a equipe celeste ontem vencer com um placar digamos mais “humilde”. A vitória por 2 x 1, diante do Once Caldas, da Colômbia, em pleno estádio Palogrande, em Manizales, foi suficiente para que o time mineiro ficasse em situação tranquila nas oitavas de final da competição sul-americana. Embora tenha conseguido a vitória, o jogo foi difícil principamente no primeiro tempo, onde a equipe Brasileira teve dificuldades para encontrar boas finalizações e ainda sofreu com perigosos ataques da equipe adversária com direito a bolas na trave. Mais uma vez no setor defensivo, Victorino, e o Fábio fizeram a diferença

O “trem Azul”

Após o primeiro tempo difícil, o técnico Cuca substituiu o estreante camisa 9 Brandão pelo também atacante Ortigoza, que literalmente encaminhou o Cruzeiro as quartas. Com um passe para Wallyson completar de cabeça, e um gol feito com extrema categoria, de cobertura na saída do goleiro, fizeram com que o Paraguaio se tornasse o destaque da partida. Nuñez descontou para os colombianos. Wallyson, chegou ao 7º gol na Libertadores e se tornou artilheiro da competição. Nanni, do Cerro Porteño, do Paraguai, também possui 7 gols e esta na briga da artilharia. Fato que não interessa para nós torcedores.

O jogo de volta será agora no Brasil, em Sete Lagoas. Para se classificar, a equipe mineira poderá até perder por 1 x 0. O time colombiano precisa vencer por 2 gols de vantagem ou por 1, desde que marque ao menos 3 em Minas Gerais. 2 x 1, leva a decisão para os pênaltis. O vencedor do confronto enfrentará Santos ou América, do México. Independentemente do adversário que vier, será uma pedreira…

Mineiro

Agora o Cruzeiro volta a pensar no Campeonato Mineiro. No domingo, às 16:00hrs, na Arena do Jacaré, o time enfrentará o América de Teófilo Otoni, pela segunda partida das semifinais do estadual. Como venceu o primeiro jogo, fora de casa, por incríveis 8 x 1, a Raposa poderá perder até por 7º gols de diferença, que, mesmo assim, garantirá a vaga na final. Tarefa impossível para o Dragão de TO.

Once Caldas 1 x 2 Cruzeiro

Gol
Once Caldas: Núñez aos 43min do 2º tempo

Cruzeiro: Wallyson aos 27min do 2º tempo e Ortigoza aos 37min do 2º tempo

Once Caldas: Martínez; Calle (Pajoy), Amaya, Henríquez e Núñez; Mejía, Henao (González), Mirabaje (Micolta) e Carbonero; Dayro Moreno e Rentería
Técnico: Juan Carlos Osorio

Cruzeiro: Fábio; Leandro Guerreiro, Gil, Victorino, Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger (Everton) e Montillo; Wallyson e Brandão (Ortigoza)

Técnico: Cuca

Cartões amarelos
Once Caldas: Mirabaje, Carbonero e Mejía
Cruzeiro: Henrique, Montillo e Gilberto

Árbitro
Víctor Carillo (PER)

Local
Estádio Palogrande, Manizales (Colômbia_

Pré – Jogo; Cruzeiro x Once Caldas

Por @Cruzeiro_news;

Começa hoje um novo campeonato para o Cruzeiro. A fase de mata-mata da competição finalmente chegou, e agora não se pode errar. O Cruzeiro teve a melhor campanha e encantou o Brasil com seu futebol bonito, mas tudo isso pode ir por agua abaixo se o time não vencer a competição. O que fica na história é a conquista, e não os belos jogos apresentados.

Daqui pra frente, é raça, concentração, dedicação, HUMILDADE para lá na frente, poder chegar ao objetivo. O FAVORITISMO faz perder campeonato, e os jogadores tem que ser blindados de qualquer empolgação da torcida.

CRUZEIRO X ONCE CALDAS, quarta-feira, 27 de abril de 2011, 21:50, Estádio Palogrande, Colômbia. As duas equipes jogam por uma vaga nas quartas de final, e prometem um belo jogo.

Cuca adota mistério em um CRUZEIRO com mudanças:

Pablo e Thiago Ribeiro se machucaram e ficam de fora do time durante três semanas. Com isso, Cuca confirmou a estreia do Brandão, e deve improvisar o Marquinhos Paraná na lateral, colocando o Leandro Guerreiro como volante, fazendo um papel de terceiro zagueiro.

BRANDÃO, finalmente vai jogar.

Confirmado pelo técnico Cuca, a esperança de finalmente encontrar o camisa nove ideal, está depositada no Brandão. Cuca vem elogiando muito o atacante, dizendo que ele é um jogador raro, pois possui força e velocidade, além de voltar para buscar a bola e ter um chute muito forte.

O atacante estrelado tem tudo para fazer uma boa partida, em um time bem montado e mais do que nunca entrosado. Pois, com Montillo e Roger armando, só precisa empurrar a bola ao gol.

TIMES:

CRUZEIRO: Fábio; Leandro Guerreiro, Gil, Victorino e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Brandão e Wallyson.

ONCE CALDAS: Martínez; Calle, Amaya, Henríquez e Núñez; Mejía, Henao, Mirabaje e Carbonero; Rentería e Moreno.

ARBITROS:

Victor Hugo Carrillo (PERU)
Cesar Escano (PERU)
Jonny Bossio (PERU)

AVANTE CRUZEIRO! AGORA É A HORA. #LaBestiaNegra

@Cruzeiro_News on twitter

O domínio recente de Manchester United e Barcelona na Champions League

Por Jefferson Sifuentes;

Com certeza estamos falando de duas grandes potências do futebol mundial: Manchester United e Barcelona. Ambos tri campeões da Liga dos Campeões da Europa, têm um certo domínio da competição continental nos últimos anos. Desde 2006 ou Barcelona ou Manchester ou dois figuram entre os quatro melhores do torneio. Nesse período o time espanhol foi campeão duas vezes: em 2006 e 2009, enquanto os ingleses venceram em uma ocasião, em 2008.

Os dois times se enfrentaram nas semifinais de 2008 com vantagem para os ingleses que eliminaram o Barcelona e foram campeões, numa final contra o Chelsea. No ano seguinte foi a vez dos espanhóis se vingarem e derrotarem o Manchester na final por 2×0, levando para a Espanha a taça de melhor da Europa.

Em 2011 os dois times voltam a figurar entre os quatro melhores do maior torneio da Europa, e podem novamente se enfrentar na final. O time inglês enfrenta o surpreendente Schalke 04, que eliminou o favorito e atual campeão Internazionale, de Sneijder, Eto’o e companhia. Já o Barcelona faz uma semifinal eletrizante contra o Real Madrid. Aliás, na última vez em que Real e “Barça” se enfrentaram numa semifinal de Liga dos Campeões, o Real Madrid eliminou o arquirrival e ainda sagrou-se campeão. Este duelo valeu pela Liga dos campeões de 2001/2002.

De 2006 pra cá, ou seja, em seis torneios disputados, o Barcelona chegou a cinco semifinais: 2006 quando foi campeão, 2008 ano que foi eliminado pelo Manchester nas semifinais, 2009 quando foi campeão diante dos ingleses, 2010 quando perdeu para a Inter Milão na fase semifinal e em 2011 quando encara o Real Madrid. Já o Manchester United acumula quatro participações em semifinais: 2007 quando perdeu para o Milan na fase semifinal, 2008 ano em que foi campeão em cima do Chelsea, 2009 quando perdeu para o Barça na final e 2011 quando enfrenta o Schalke 04.

PRÉ-JOGO CRUZEIRO X ESTUDIANTES – Libertadores agora é futebol de areia.

Por @Cruzeiro_News;

Cruzeiro x Estudiantes, um jogo que tinha tudo para ser um verdadeiro INFERNO para o time celeste, perdeu um pouco da graça depois que o técnico do Estudiantes anunciou que colocará time misto em campo. Mesmo assim, o jogo promete ser muito difícil, e uma vitória para consolidar a primeira colocação geral é fundamental.
Não vai ser um inferno, mas Cruzeiro e Estudiantes irão inaugurar uma nova modalidade na Libertadores. O futebol de areia. O Gramado, se é que pode chamar de gramado, está em péssimas condições… Quer dizer, péssimas é elogio… Está um lixo mesmo.

O Único Ciudad de La Plata recebeu na semana passada o show do grupo U2 e ficou com a grama totalmente danificada. Gramado nunca é desculpa, mas o PASTO que está, dessa vez será desculpa.

Montillo não joga – #FuerzaSantino

Santino, filho de Montillo, opera nessa quarta-feira, e por isso não jogará contra o Estudiantes. Jogador irá acompanhar a operação junto com sua esposa e o outro filho.
Os torcedores do Cruzeiro estão na torcida para que tudo dê certo, e que Santino volte para a casa logo. Fé em DEUS!

Leandro Guerreiro é confirmado, e Cruzeiro entra com 3 volantes

O técnico Cuca sem Montillo surpreendeu e escalou Leandro Guerreiro como titular, jogando ao lado de Henrique e Paraná. O time ganha e muito em marcação, mas perde na criação e no ataque. Roger dessa vez irá se posicionar diferente em campo, bem mais avançado, articulando todas as jogadas, ou seja, tomando conta do meio campo.

Escalações:

CRUZEIRO: Fábio; Pablo, Victorino, Gil e Gilberto; Leandro Guerreiro, Marquinhos Paraná, Henrique e Roger; Wallyson e Thiago Ribeiro.

ESTUDIANTES: Orión; Mercado, Roncaglia, Ré, Nelson Benítez; Maxi Núñez, Darío Stefanatto, Gabriel Peñalba, Pablo Barrientos; Juan Pablo Pereyra e Gastón Fernández.

ÁRBITRO: Roberto Silvera (URU).

AVANTE CRUZEIRO!

#Cruzeiro_News on Twitter!

PRÉ-JOGO – CRUZEIRO X TOLIMA – O jogo da classificação!

Por @Cruzeiro_news;

Cruzeiro e Tolima se enfrentam nessa quarta-feira na Arena do Jacaré, ás 21h50, pelo Grupo 7 da Libertadores, com objetivos e campanhas diferentes. De um lado, o time líder e dono da melhor campanha com duas vitórias, um empate e nove gols feitos em três jogos, e que precisa apenas de mais um triunfo para de classificar para a próxima fase. Do outro lado, o Tolima, 3º colocado no grupo, com uma campanha de uma vitória, uma derrota e 1 empate, e que não pode sair com outro resultado além da vitória.

Voltam Montillo, Roger e Gilberto!

Durante a semana, os três jogadores acima trabalharam intensamente para voltar contra o Tolima. Roger se recuperou de uma lesão na panturrilha, Montillo foi poupado do ultimo jogo por causa de um incomodo no joelho e Gilberto retorna após 1 mês longe dos gramados se recuperando de uma tendinite no calcanhar esquerdo, assumindo a lateral esquerda.

Ataque conta com a volta de Wellington Paulista e Thiago Ribeiro no banco!

Depois de 8 dias fora dos jogos, WP volta ao time após fazer treinamentos para recuperar a forma física e técnica. Thiago Ribeiro que vinha fazendo ótimas partidas e fez 3 gols no último jogo, fica no banco como opção para o treinador. Wallyson se junta a WP e forma o ataque celeste para o jogo!
Particularmente acho que Thiago Ribeiro não poderia ficar fora desse time. Será que WP vai voltar a balançar as redes?

Ficha técnica;

Data: 16/03
Horário: 21:50
Local: Arena do Jacaré, Sete Lagoas.

Cruzeiro: Fábio; Pablo, Victorino, Gil e Gilberto; Marquinhos Paraná, Henrique, Montillo e Roger; Wallyson e Wellington Paulista.

Tolima: Anthony Silva; Vallejo, Wilmer Díaz (Martínez), Julián Hurtado e Noguera; Marrugo, Chara, Bolívar e Murillo; Santoya e Medina.

Árbitros: Carlos Vera, auxiliado por Juan Cedeño e Marco Muzo.

Siga: @Cruzeiro_News e @Cruzeiro_Videos no Twitter

Acesse o Facebook da #Cruzeiro_News e clique em “Curtir” http://on.fb.me/fbFLVF

Cruzeiro amarga um empate contra o Tupi em Juiz de Fora, com sabor de ressaca

Por Tiago Evaristo

Bem vindos amigos do Celeste blog! Jogando em Juiz de Fora, o Cruzeiro não passou de um amargo empate de 0 x 0, com o Tupi na noite de quarta-feira, em partida antecipada da 10ª rodada do Campeonato Mineiro, perdendo assim a chance de assumir a liderança da competição.

Um jogo horrível, difícil, e confuso de se ver. Com um time misto sem os principais jogadores, e com o craque Montillo perdendo um pênalti, a equipe de Cuca ainda impôs seu ritmo de toque de bola e jogou melhor do que o adversário. Mas a superioridade tática não foi suficiente para que as redes se balancassem… Algumas subtituições confusas também foram o ponto curioso da partida (por exemplo, Rômulo por Dudu). Talvez a falta dos “principais” foi o fator principal para o empate, com a feliz atuação do Goleiro da equipe do Tupi, Rodrigo.

Embora o “misterioso” empate, a equipe Celeste, ocupa a 2ª posição no Mineiro com 13 pontos, mesma quantidade do Líder América, ficando atrás somente no saldo de gols. Não acho que seja uma situação de se preocupar. Até porque sabemos que o Cuca prioriza a Libertadores. Mas deixar o Mineiro escapar novamente este ano também não dá… Seria agora o momento da torcida empurrar a equipe!

FICHA TÉCNICA
TUPI 0 X 0 CRUZEIRO

Local: Estádio Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora
Data: 09 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (horário de Brasília)
Árbitro: Alício Pena Júnior (CBF/FMF)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (CBF/FMF) e Jair Albano Félix (CBF/FMF)
Cartões amarelos: (Tupi) Assis, Yan, Paulo Roberto e Claudinho Baiano (Cruzeiro) Leandro Guerreiro, Rômulo, Mauricio Victorino e Thiago Ribeiro

TUPI: Rodrigo; Leonardo (Wesley Ladeira), Paulo Roberto e Fabrício Soares; Felipe Cordeiro, Marcel, Claudinho Baiano (Evandro Teixeira), Michael Cury (Evandro) e Assis; Michael e Yan
Técnico: Leonardo Condé

CRUZEIRO: Fábio; Rômulo (Dudu), Mauricio Victorino, Gil e Everton; Marquinhos Paraná (Farías), Henrique, Leandro Guerreiro e Montillo (André Dias); Wallyson e Thiago Ribeiro
Técnico: Cuca

Twitter; @tiagoevaristo

PÓS-JOGO – CRUZEIRO 0 X 0 TUPI

Por @Cruzeiro_News;

No estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora, o Cruzeiro empatou sem gols com o Tupi após um jogo com pênalti perdido, gol anulado e uma atuação de gala do goleiro Rodrigo, do Tupi.

PRIMEIRO TEMPO:

O Cruzeiro foi melhor na etapa inicial e tomou o comando do jogo. O time criou e muito, mas o goleiro do Tupi fez milagres de baixo da trave. Depois de jogada individual, Wallyson sofreu pênalti e Montillo errou após bater muito forte na bola e pegar no travessão. É o segundo pênalti que o craque do meio campo celeste perde com a camisa azul. Antes errar agora, do que errar em um jogo decisivo de Libertadores.

O Cruzeiro priorizou os ataques pelo lado direito com Rômulo, Wallyson ou Montillo, mas na maioria das vezes cruzou a bola pra área, sem ter um centroavante para finalizar.

O ponto fraco do Cruzeiro no primeiro tempo foi à zaga, que teve GIL em uma péssima partida e Leandro Guerreiro errando tudo que tentava. VICTORINO foi sensacional. Jogador fino, tranquilo, que é incapaz de dar um chutão. Varias vezes durante o jogo, saiu da direita para apoiar o GIL na esquerda.

SEGUNDO TEMPO:

Na volta do segundo tempo, Cuca tirou Montillo que reclamou de dores no joelho (Segundo o médico do Cruzeiro não é uma lesão, e sim um desconforto) e colocou André Dias que pouco contribuiu, mas fez um gol corretamente anulado.

Com a saída do melhor meia do Brasil, o Cruzeiro perdeu o meio campo e não conseguia criar. Na única vez que Fábio tocou na bola, fez uma defesa sensacional, provando ser o melhor do Brasil na posição. O Tupi dominou a maior parte do segundo tempo, mas não ofereceu perigo ao Cruzeiro, que também deu trabalho ao goleiro Rodrigo com Everton, Dudu e Farias.

Ótima atuação do goleiro do Tupi, e o segundo empate consecutivo sem gols do Cruzeiro (o ultimo contra o Tolima). O time celeste agora assume a segunda colocação com 13 pontos e 1 jogo a mais que o líder América que tem a mesma pontuação.

OBS: Na coletiva após o jogo, o técnico Cuca, mostrou que não gostou de ter tirado o Wellington Paulista do time. Treinador disse que ele fez falta devido às condições do jogo e ainda disse que hoje, é o melhor atacante do Cruzeiro.

@Cruzeiro_News on twitter

Após Carnaval, grandes partidas esquentaram as rodadas dos Estaduais pelo Brasil, com direito a bela exibições de Neymar, maestro na vitória do Santos, e Rafael Moura no Fluminense

Por Tiago Evaristo;

Na semana do carnaval, quem pensou que teríamos jogos ruins, com baixo nível técnico devido os fatos certos e indiscutíveis, que os jogadores caíram na gandaia do Carnaval, se enganaram. A tirar o fatídico empate por 0 x 0 no jogo do Cruzeiro, em MG, a média de gols, e a qualidade das partidas foram bastante empolgantes. Tiramos algumas conclusões nesta semana. Alguém dúvida que o garoto Neymar e a melhor revelação no futebol Brasileiro nos últimos anos? A julgar pelos 2 maravilhosos gols, que ele marcou na partida contra a Portuguesa. Enquanto Rafael Moura fazendo gols decisivos em praticamente todas as partidas? Alguns pontos a serem levados em consideração que ficaram marcados nesta rodada dos estaduais por todo o Brasil.

A noite do craque

Neymar e de fato um craque. Após curtir baladas no carnaval em Salvador, e Rio de Janeiro, o garoto Santista, jogou com tamanha maestria e ferocidade de um animal acuado sem água e comida. Com 2 gols, no “estilo Messi” e uma assistência milimétrica, a estrela decidiu a partida praticamente sozinho, ainda de quebra devolveu a confiança ao torcedor santista, que andou meio desconfiado, devido os de tropeços na Taça Libertadores. 3 x 0 sobre a Portuguesa quarta-feira passada.

He – Man, tem a força e volta a marcar

A competição prioritária do Fluminense com certeza e a Libertadores. Competição que, a equipe Carioca encontra-se em uma situação no mínimo delicada, correndo grandes riscos de não se classificar para a fase de mata-mata devido seus tropeços dentro, e fora de casa. Nem a equipe do América era o do México, adversário do duelo de vida ou morte na competição internacional que acontecerá no dia 23 de março. A vítima da reabilitação foi o América do Rio, no Engenhão. Venceu e convenceu por 3 x 1, jogo válido pela Taça Rio. Diversos pontos positivos foram observados, como por exemplo, a melhor atuação de Conca este ano. O jogador que operou o joelho esquerdo no início do ano, e desde que retornou teve desempenho insatisfatório. Andando poupado em algumas partidas nesta ele desencantou. Abriu o placar, e deu bela assistência para um dos 2 gols de Rafael Moura.

O conhecido “He-Man”, Agora com 7 gols, 2 apenas atrás de Fred na artilharia da equipe no ano. A prova de fogo da reabilitação esta logo neste Domingo. Onde enfrentarão o “Bonde do Flamengo”, atual campeão da Taça Guanabara. Basta saber se o craque Ronaldinho Gaúcho após tanta gandaia no Carnaval vai jogar a metade do que anda mostrando, mas suas partidas…

sigam @tiagoevaristo no Twitter!

Em um jogo difícil, Fábio brilha, e garante empate contra tolima, enquanto o Fluminense perde, e complica a sua situação na fase de grupos na Libertadores. Santos tropeça, e cede o empate no fim

Por Tiago Evaristo;

A primeira fase da Copa Libertadores da América, já esta na metade, e com o decorrer da disputa, as equipes Brasileiras já encontraram dificuldades em partidas fora, e dentro de casa. Santos e Fluminense ainda não conheceram a vitória, Grêmio com 1 vitória e uma derrota segue procurando a equipe ideal para a competição, igualmente na situação, o seu rival Internacional também tem uma vitória e uma derrota.

A única equipe Brasileira que de fato segue 100% na competição e a equipe do Cruzeiro. A equipe Mineira possui 9 gols, com 3 partidas realizadas, e nenhum gol sofrido. Essa ausência de gols sofridos tem uma causa, ou melhor um nome. Fábio . Que ao deixar o gramado do Estádio Manuel Toro, em Ibagué, no empate por 0 x 0 contra a equipe do Tolima, o goleiro Fábio, mais uma vez, marcou seu nome na história do Cruzeiro. Pela 2ª vez, o camisa 1 celeste não sofre gols nas 3 primeiras partidas da equipe na Libertadores.

Crise sem fim?

A crise na Vila Belmiro parece que não vai ter fim tão cedo. Quando se acreditava que, enfim, o Santos conseguiria sua 1ª vitória na Taça Libertadores e assumiria a ponta do Grupo 5, um pênalti… Edu Dracena derrubou Bareiro na grande área no último minuto do jogo. Nanni não desperdiçou a cobrança e finalizou com o gol. O goleiro Rafael nada pode fazer para evitar o empate. O jogo terminou 1 x 1contra a equipe do Cerro Porteño. Elano garantiu o empate. A alegria alvinegra durou apenas 35 minutos. E a crise continua…

Pressão e corda bamba

O Atual campeão Brasileiro, Fluminense chegou ao México pressionado por uma vitória. E com a mesma pressão voltou ao Rio ainda mais tenso. Repetindo a equipe, com uma retranca no mínimo incompreensível, o time foi derrotado por 1 x 0 pelo América do México. O resultado deixa o time com apenas 2 pontos ganhos no Grupo 3 da Libertadores. O líder é o Argentinos Juniors, com 7. O América 2º colocado tem 2. Na próxima rodada, o time enfrenta novamente o América em casa, no dia 23. Muricy Ramalho tentará reorganizar a sua equipe, que nem de longe lembrou o campeão brasileiro do ano passado… Por enquanto…

Pré-Jogo – Cruzeiro X Guaraní – PAR

Por @Cruzeiro_News;

Após a vitória de 2×0 pelo Campeonato Mineiro, o Cruzeiro volta a jogar pela Libertadores da América. O jogo contra o Guaraní do Paraguai é pela 2ª rodada do Grupo 7, e será na Arena do Jacaré em Sete Lagoas, às 19:15. Após um sensacional 5×0 sobre o Estudiantes, a La Bestia Negra irá enfrentar um adversário inédito, e espera chegar aos 6 pontos. O Guarani vem a MG, com o objetivo de se recuperar da derrota contra o Tolima fora de casa.

Inversão nas laterais:

Com pouco tempo para definir a escalação, Cuca foi obrigado a inverter as laterais após o Gilberto ser cortado por uma tendinite no calcanhar esquerdo. Pablo que está em boa fase, irá jogar na lateral esquerda, e Diego Renan volta a jogar pela sua posição de origem, à direita.

Voltam Thiago Ribeiro e Léo?

Fora do time titular contra o Estudiantes por opção técnica, Thiago e Léo esperam retomar a titularidade e poder atuar contra o Guarani. O atacante celeste jogou contra o Ipatinga e marcou um golaço, Léo cumpriu suspensão. Se dúvidas esse é o mistério que o técnico Cuca guarda para o jogo.

Acredito que está na hora do Wellington Paulista passar um tempo no banco. O centroavante vem a algum tempo fazendo péssimas e apagadas atuações. Já Wallyson vem sendo a surpresa do ano e jogando bem em todos os jogos que vai a campo. Uma pena o Farias não estar tendo a chance que merece com o Cuca, mas o treinador deve saber o que está fazendo.

Retranca Paraguaia:

O certo é que o Guarani vem a campo com o time todo fechado esperando o momento do contra-ataque. O Cruzeiro tem que ter paciência e eficiência para furar a defesa paraguaia, pois provavelmente irá dominar a posse de bola. Durante a semana, o treinador do Guaraní treinou saídas rápidas em contra-ataque, e espera que o seu time efetue isso com sucesso em campo.

Provável Cruzeiro: Fábio; Diego Renan, Victorino, Gil e Pablo; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger e Montillo; Wallyson (Thiago Ribeiro) e Wellington Paulista.

AVANTE CRUZEIRO! Vamos com o APOIO da torcida, vencer esse desafio e dar mais um passo ao sonho da conquista da Libertadores 2011!

@Cruzeiro_News on twitter

Em noite estrelada, Cruzeiro da show e massacra a equipe do Estudiantes, algoz da final da Libertadores de 2009

Por Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos do Celeste Blog! Nem o mais otimista poderia prever uma atuação do Cruzeiro tão perfeito, como foi na noite dessa quarta-feira na Arena do Jacaré em Sete Lagoas. Em uma audaciosa mudança Cuca, usou uma equipe até então desconhecida pelos torcedores. Wallyson no ataque, Gilberto na lateral e Roger no meio foram umas das mudanças interessantes. O resultado? Um massacre de 5 x 0 com gosto de vingança, afinal o Estudiantes a vítima da noite, foi o grande Algoz do Cruzeiro na final da Libertadores de 2009, onde em uma virada histórica os Hermanos venceram por 2 x 1, em pleno Mineirão conquistando o título na final.

Impecável

Destaque da partida, Walter Montillo, fez a sua melhor partida no ano com 2 golaços, e várias assistências e passes. Mesmo sendo o melhor no jogo, a humildade e a concentração falou mais alto; – “Ficamos felizes. Sabíamos que seria uma partida muito importante. Fico feliz com a minha atuação. Mas mostramos dentro de campo a força de todos os jogadores, não só individualmente, pois assim não ganharíamos nada.”

Falhas? Aonde?

Em uma partida com um placar tão extenso em um rival que deixou marcas no ego do torcedor Cruzeirense, e até difícil apontar um erro ou uma falha da equipe Celeste. Foi uma noite inspiradíssima, onde a maioria dos jogadores jogaram um futebol acima da média. Os erros mostrados na partida, partiram da própria torcida Cruzeirense, ao atirar objetos no campo, ameaçando assim o mando de campo da equipe. Na equipe o setor da defesa faltou um pouco mais de entrosamento e entendimento entre Gil e Victorino, mas nada que mais algumas partidas e treinos se resolvam.

Próximo ataque

A Raposa agora lidera o grupo 7 na competição, com 3 pontos, ao lado do Tolima-COL, mas com a larga vantagem de 4 gols de saldo. Em 3º está o Guaraní-PAR e na lanterna o Estudiantes-ARG. O Cruzeiro volta a campo pela Libertadores no próximo dia 22, às 19:15hrs, para encarar o Guaraní-PAR, mais uma vez na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Já o Estudiantes-ARG recebe o Tolima-COL no dia 23, às 22:00hrs em La Plata.

Ficha técnica
Cruzeiro 5 x 0 Estudiantes

Gols;
Cruzeiro:
Wallyson, 1min do primeiro tempo e aos 37min do segundo tempo; Roger, aos 18min do primeiro tempo; Montillo, aos 38min do primeiro tempo e aos 14min do segundo tempo.

Cruzeiro: Fábio; Pablo, Gil, Victorino e Gilberto (Diego Renan); Marquinhos Paraná, Henrique, Roger (Dudu)e Montillo; Wallyson e Wellington Paulista (Thiago Ribeiro). Técnico: Cuca.

Estudiantes: Orión; Federico Fernández, Desábato e Re; Gabriel Mercado, Braña, Leandro Benítez (Núñez) e Nelson Benítez e Verón; Pérez e Gastón Fernández (Rodrigo López). Técnico: Eduardo Berizzo.

Cartões amarelos
Cruzeiro: Wellington Paulista, Marquinhos Paraná, Henrique e Gil
Estudiantes: Braña, Desábato, Nelson Benítez e Federico Fernández
Renda e público
R$ 377.266,50/10.955 pagantes
Árbitro;
Carlos Amarilla (PAR)
Local;
Arena do Jacaré, Sete Lagoas (MG).

Fábio, Ídolo, Mito e Craque!

Por @Cruzeiro_News;

Finalmente a tão esperada renovação do goleiro Fábio com o CRUZEIRO foi concluída, e o ídolo na nação azul fica no clube até maio de 2016. Uma notícia com as mesmas proporções de uma contratação de peso qualquer. Cruzeiro adquiriu mais 20% do atleta, totalizando 70% dos direitos do goleiro, e os outros 30% pertence ao jogador.

Fábio alcançou a marca de 368 jogos pelo Cruzeiro, se tornou o segundo goleiro com mais jogos pelo clube (atrás apenas de Raul com 557), e tem tudo para se tornar o que mais vestiu o manto sagrado.

Em 2007 no Ex-clássico contra o Atlético, Fábio ficou marcado por uma péssima atuação e que resultou na quase saída do Cruzeiro. Após um pouco mais de um mês, o goleiro se levantou, assumiu novamente a camisa numero 1 e nunca mais a largou. Desde aquele dia, Fábio se destacou com defesas milagrosas que fizeram chegar ao posto de melhor goleiro do Brasil em 2010.

Com toda essa dedicação e carinho ao clube celeste, Fábio mais do que nunca tem o reconhecimento da torcida que não aceita perde-lo para outro time. Seguindo os passos de Marcos e Rogério Ceni nos seus clubes, no Cruzeiro o muro azul aumenta ainda mais a bonita história que já tem, e esperamos que ele possa ser recompensado com um titulo de expressão.

Finalizo com as palavras do Montillo sobre o goleiro celeste.
“O Fábio é um goleiro que ganha partidas”

@Cruzeiro_News on Twitter.

Cruzeiro, o destruidor de centenários

Por Jefferson Sifuentes;

O Estatuto do Idoso prevê que expor a perigo a integridade e a saúde de um idoso é crime com a pena podendo chegar até quatro anos de reclusão se a agressão se resultar lesão corporal. Se esta regra do mundo jurídico se aplicasse ao futebol, certamente o Cruzeiro seria considerado um “criminoso”, isto porque, o time estrelado tomou gosto de bater em “velhinhos” nos últimos anos. O ano do centenário para um clube é um marco histórico, a diretoria contrata bons jogadores, a torcida fica em festa e cria-se uma expectativa muito grande para que aquele ano seja um ano especial para o time. Porém, quando o Cruzeiro é convidado para a festa, sempre arruma um jeito de estragar as comemorações do aniversariante!

Números e datas

Em 1995, o Flamengo completava 100 anos. Muita festa para o centenário rubro-negro, porém em 8 de outubro, o Cruzeiro venceu o aniversariante por 2×0 no Rio de Janeiro com gols de Marcelo Ramos e Paulinho McLaren em jogo válido pelo brasileirão. Naquele jogo Edmundo e Sávio jogaram pelo Flamengo, mas o “penetra” Cruzeiro estragou a festa carioca. Em 1998 foi a vez do Vasco assoprar velinhas de 100 anos. 98 foi um ano feliz para os vascaínos, eles venceram a Libertadores, inclusive eliminando o Cruzeiro. Mas o Cruzeiro tinha que dar um jeito de estragar alguma festa dos cruzmaltinos. A Raposa venceu os cariocas por 2×0 na Copa do Brasil, com gols de Bentinho e Wilson Gottardo.

O papa centenários

Outro clube carioca a fazer 100 anos foi o Botafogo. O clube da estrela solitária completou 100 anos em 2003, porém, neste ano o Cruzeiro não jogou com o Botafogo, pois os cariocas estavam na 2ª divisão. Mas quando se enfrentaram após o centenário botafoguense (2004), o Cruzeiro venceu: 3×2, gols de Martinez, Tápia e Jussie. Em 2003, a metade azul do Rio Grande do Sul comemorava os 100 anos do Grêmio. E advinha quem estragou a festa? Isso mesmo! O Cruzeiro. No ano em que o Cruzeiro ganhou a tríplice coroa derrotou os aniversariantes em duas ocasiões: 3×0 no Mineirão, gols de Alex, Wendel e Mota e 1×0 em Porto Alegre com gol de Aristizábal. A metade vermelha do rio Grande do Sul também teve sua festa de aniversário estragada pelo Cruzeiro. Em 2009 os colorados fizeram aniversário de 100 anos e ganharam de “presente” dois gols de Gilberto e um de Thiago Ribeiro num 3×2 em pleno estádio Beira-Rio. Outro centenário da região sul é o Coritiba. Em 2009 o “Coxa Branca” fez 100 anos em um ano desastroso que terminou com o rebaixamento dos paranaenses à segunda divisão. E o Cruzeiro destruiu ainda mais o aniversário do Coritiba. Foram duas goleadas: 3×1 no Couto Pereira e 4x1no Mineirão, Wellington Paulista foi o artilheiro dos confrontos com 3 gols, Thiago Ribeiro, Jonathan, Henrique, Eliandro anotaram um gol cada nos dois duelos contra o Coritiba.

“Cemternada?”

Em 2010 o Corinthians festeja 100 anos, muita festa para os paulistas, com direito a Ronaldo, Roberto Carlos… Mas a Raposa colocou muita água no chope corintiano ao vencer os aniversariantes por 1×0, gol de Montillo no Parque do Sabiá em Uberlândia. Ter a festa de aniversário estragada pelo Cruzeiro não é exclusividade de time brasileiro. Quando o Cruzeiro é chamado para alguma festa internacional também apronta! Em 2008 o San Lorenzo foi a vítima do Cruzeiro, no ano do seu centenário. 3×1 em jogo realizado no Ipatingão e válido pela Libertadores daquele ano. Outro argentino teve sua festinha estragada pelo Cruzeiro: O centenário Velez foi à Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro e saiu de lá com um sonoro 3×0 em jogo válido pela Libertadores 2010, ano em que o Vélez Sarsfield completou 100 anos de fundação.

O centenário do outro lado da lagoa

Mas nenhum outro time sofreu tanto nas mãos do Cruzeiro no ano do Centenário como o Atlético-MG! Em 2008 o arquirrival celeste completara 100 anos e o bolo de aniversário foi muito, muito azedo para os atleticanos e muito doce para os cruzeirenses! No total foram cinco confrontos no ano do centenário alvinegro com um empate e 4 vitórias celestes, uma delas por um sonoro 5×0, de quebra, a goleada ainda deu o título mineiro para o Cruzeiro no ano do centenário atleticano! Os outros resultados foram: empate 0x0, e outras três vitórias 1×0, 2×0 e 2×1. Os penetras que deram um jeito de estragar a festa do aniversariante foram: Marcelo Moreno, Guilherme e Ramires com dois gols cada e Wágner, Jonathan e Thiago Martinelli com um gol cada. Teve até gol contra, marcado por Marcos (zagueiro atleticano). No total o Cruzeiro balançou as redes alvinegras 10 vezes no ano de 2008. Aviso aos mais novos: não convidem o Cruzeiro para uma festa de aniversário!

Internacional e protagonista da maior zebra da história do futebol mundial, após jogar mal e levar um revés de 2 a 0 do Mazembe no mundial de clubes

Por Tiago Evaristo;

Nem Aladim, nem o gênio da lâmpada acreditaram na tragédia que deram o nome de partida na noite de terça-feira em Abu Dhabi, no estádio Mohammed bin Zayed. O até então a desconhecida equipe Africana Mazembe, derrotou o Internacional por 2 x 0 e se garantiram na final da competição mundial. Para a equipe Brasileira restou somente a disputa do 3º lugar conta a equipe Coreana Seongnam Ilhwa.

Decifrando o enigma das Arábias

Que o Inter não será bicampeão do mundo em 2010 nos já sabemos. Agora como uma equipe já campeã mundial contra nada mais nada menos que o todo poderoso Barcelona, pode ser derrotado por uma equipe Africana, com um baixo nível técnico, e sem nenhum jogador que fizesse a diferença foi possível? Eu tenho uma opinião que sem hipocrisia nenhuma pode ser facilmente entendida por amantes do futebol. 1° ansiedade, e 2º Celso Roth.

Timidez e erros grotescos nas substituições

Uma semana antes o fato de não ter um esquema de jogo pronto causou uma certa ansiedade e irritação no Inter. Celso Roth após chegar em Abu Dhabi treinou sua equipe em um 4-4-2 clássico. Porque então minutos antes da partida, a equipe foi escalada em um 4-5-1? E claro que não iria dar certo como não deu, e como não vinha dando desde que saíram Sandro e Taison. Mesmo sem esses jogadores principais no esquema de jogo, o técnico insistiu na estratégia. Rafael Sobis, se acabou como meia. E Alecsandro perdeu seu apoio no ataque, e com certeza também o seu cargo na equipe.

Substituições irresponsáveis

As duas primeiras foram trocas simples, o conhecido “6 por meia dúzia”. meio por meio, e atacante por atacante. Saíram Tinga e Alecsandro, entraram Giuliano e Leandro Damião. Mas a que até agora não me conformou foi a de Rafael Sobis, dando lugar aou Oscar. Rafael que indiscutivelmente foi o melhor jogador do Inter na partida.

Inter de Milão faz 3 x 0 no Swongnam IIhwa e vai à final colocando os coreanos no caminho colorado

O Inter esta na final. Mas o Inter da decisão é o italiano. A equipe de Milão fez 3 x 0 no Seongnam Ilhwa, da Coreia do Sul, e garantiu presença no jogo que decidirá a maior equipe do planeta. O adversário? Mazembe, algoz dos brasileiros. Stankovic, Zanetti e Diego Milito fizeram os gols da vitória do Internazionale na noite de quarta-feira em Abu Dhabi, no Zayed Sport City.

A decisão do Mundial será no sábado, às 15:00 hrs (de Brasília). Antes, ao meio-dia, no mesmo local, o Inter duela com o Seongnam pelo “amargoso” 3º lugar.

Mesmo com a vantagem, o Goias toma o revés fora de casa e perde o título da Sul-Americana nos pênaltis

Por Tiago Evaristo;

E nem tudo foi alegrias e títulos. O Goiás mesmo jogando com a vantagem de 2 x 0, (placar feito no jogo de ida no Brasil), a equipe Brasileira não se intimidou com a pressão antes do jogo e com o estádio lotado de Avalleneda, na Argentina, e partiu para cima pressionando o Independiente. Apesar dos pesares a equipe não conseguiu o tão sonhado e inédito título internacional. Missão que até antes da partida parecia não tão fácil, mas praticamente possível.

Supresa?

Após perder por 3 x 1 no tempo normal em uma partida em que atuou melhor durante toda a parte do tempo, o time brasileiro infelizmente foi derrotado na disputa de pênaltis por 5 x 3 e ficou sem o caneco da Copa Sul-Americana 2010. Inesperado banho de água fria na torcida Esmeraldina, provando para nos amantes do futebol, mais uma vez que o esse esporte apaixonante também e uma caixinha de surpresas. Méritos da equipe do Independiente, maior vencedor da Libertadores (com 7 conquistas), que agora volta a comemorar um título internacional. O último havia sido a Supercopa de 1995.

Mesmo na tristeza há alegria…

Quem mesmo sem titulo algum e sem disputar nada comemorou a derrota Goiana a ponto de derramar lágrimas foi a torcida do Grêmio. 4º colocado no Campeonato Brasileiro, se classificou para a Taça Libertadores de 2011 beneficiados pela derrota na final da Sul-Americana. O Flamengo também foi beneficiado, garantindo sua vaga.

Após 26 anos, Fluminense vence e se torna o campeão Brasileiro de 2010

Por Tiago Evaristo;

A espera durou muito. Mais precisamente 26 anos, 6 meses e 8 dias. Tardou mas não falhou. E após tanto tempo a torcida do Fluminense pode comemorar o tão almejado título de campeão Brasileiro de 2010.

Comandados pelo ótimo técnico Muricy Ramalho, a equipe tricolor venceu o Guarani por um placar magro e não menos difícil. Emerson, o “Sheik”, o mais novo herói Carioca escreveu seu nome na história do clube, com o único gol do título. O suficiente para os mais de 40 mil torcedores gritarem e comemorarem no estádio do “Engenhão”.

O gol do título, começou com uma jogada do atacante Washington, que entrou no segundo tempo, e estava há mais de 15 partidas sem marcar. E continua sem marcar… Mas deu um passe preciso de cabeça para o Sheik Emerson, tocar de canhota por baixo das pernas do zagueiro Ailson, e do goleiro xará, entrando assim para a história do clube e fazer o hino de Lamartine Babo tocar sem parar…

“E campeão…”

Campeão incontestável em 2010, só restou para a torcida gritar, cantar e fazer a festa. Cantando sem parar que o Fluminense é tricampeão brasileiro, fato então não reconhecido pela própria CBF, mas que a torcida considera um título Brasileiro, a até então esquecida, “Taça de Prata” conquistada em 1970. Independentemente de ser Bi ou tri, a equipe Carioca teve uma melhor regularidade durante todo o campeonato de 2010, o que no final fez a diferença. Vale a pena lembrar que a equipe possui uns dos craques do campeonato. O Argentino Conca, que junto do outro “Hermano” também Argentino Montillo do Cruzeiro, foram os craques da competição.

Uma equipe praticamente rebaixada, agora campeã

Tamanho mérito do título tem algumas justificativas. Vale a pena lembrar o caminho traçado pela equipe Tricolor em 12 meses, que teve uma arrancada espetacular, livrando o clube do rebaixamento, (tinha 99% de chances de rebaixado), a equipe de Muricy, conseguiu a proeza de se manter durante 23 rodadas na liderança. Ninguém esteve mais na frente no Brasileirão 2010.

Goiás vence, com autoridade, coloca a mão na taça, e sai na frente na decisão da Copa Sul-Americana

Por Tiago Evaristo;

Que a equipe do Goiás já esta rebaixada todos nós sabemos. E que o futebol e uma caixa de surpresa que nos presenteia às vezes com grandes decisões e direções que nem sempre não entendemos. Quem era capaz de apostar no Goiás na final da Copa Sul-Americana? E quem que apostaria que a equipe Goiana sairia na frente, e colocaria uma mão na taça na grande final?

A final

E foi justamente isso que aconteceu. Em casa, com o Serra Dourada lotado de torcedores, que fizeram uma festa linda, digna de uma decisão que o Goiás conseguiu um grande resultado no primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana, quarta-feira passada. Venceu com autoridade o Independiente por 2 x 0, jogando de tal forma que eu digo sem nenhuma hesitação que se a equipe Goiana demonstrasse a metade do futebol que jogou no primeiro jogo da final, com certeza seria candidato fortíssimo ao campeonato Brasileiro. Exagero? Quem assistiu a partida sabe que não. Os gols foram de Rafael Moura e Otacílio Neto. Com o resultado a equipe Brasileira agora vai decidir o título na próxima quarta-feira, em Avellaneda, na Argentina, podendo perder até por um gol de diferença, em território argentino que mesmo assim fica com a taça e com o título inédito, não menos inesperado.

Superioridade Brasileira;

Mostrando um futebol superior em toda a partida, com uma marcação eficiente, e rápida na criação, principalmente no primeiro tempo, onde a equipe Esmeraldina matou o jogo, sabendo inclusive, jogar no erro, e em alguns momentos no desespero na equipe dos “hermanos”. Pra não dizer que a equipe Brasileira não sofreu nada durante os 90 minutos, no 2º tempo a equipe do Independiente arriscou uns ataques de mais “periculosidade”, buscando um revés. Mas nada foi alterado no placar que terminou mesmo nos 2 x 0. Vale a pena lembrar que na final, não há mais a questão do peso para o tento marcado fora de casa, ou seja, o que vale é o saldo de gols dos dois jogos entre as equipes.

Confira os jogos da última rodada do Brasileirão 2010;

05/12/2010 – 17:00 – São Paulo/SP x Atlético/MG
05/12/2010 – 17:00 – Santos/SP x Flamengo/RJ
05/12/2010 – 17:00 – Vasco/RJ x Ceará/CE
05/12/2010 – 17:00 – Fluminense/RJ x Guarani/SP
02/12/2010 – 21:00 – Grêmio Prudente/SP x Internacional/RS
05/12/2010 – 17:00 – Cruzeiro/MG x Palmeiras/SP
05/12/2010 – 17:00 – Grêmio/RS x Botafogo/RJ
05/12/2010 – 17:00 – Goiás/GO x Corinthians/SP
05/12/2010 – 17:00 – Vitória/BA x Atlético/GO
05/12/2010 – 17:00 – Atlético/PR x Avai/SC

Palmeiras cai em casa e sofre uma derrota histórica diante do rebaixado Goias, que agora e o representante oficial do Brasil na final da Copa Sul-Americana 2010

Por Tiago Evaristo;

Foi um jogão. E com uma reação histórica, o rebaixado Goiás derrotou o Palmeiras por 2 x 1 na noite de quarta-feira, passada no Pacaembu, e garantiu a vaga na final da Copa Sul-Americana edição 2010. Mais de 35 mil torcedores palmeirenses fizeram a sua parte. Mas o que viram foi uma derrota que antecipou as férias dos jogadores Palmeirenses. Agora para a equipe Paulista, restou apenas cumprir tabela no Brasileirão 2010 e esperar que o ano de 2011 seja um ano de títulos…

Na primeira partida, a equipe do Goiás, perdeu no Serra Dourada, por 1 x 0, e veio para o jogo de volta no Pacaembu desmotivado com o revés. Aparentemente desmotivado. O que vimos na partida foi uma equipe bastante aguerrida e lutadora, onde superação, força de vontade e raça fizeram a diferença no final. Ernando, o herói Goiano, garantiu a vitoria na etapa complementar do jogo e a vaga na grande final da Copa.

Derrota inesperada, vitória histórica

A torcida do Palmeiras fez uma grande festa antes do jogo. Com o Pacaembu com mais de 35 mil pagantes, e exibindo mosaicos escritos “Torcida que canta e vibra”, não faltando incentivo para a conquista da vaga na final por parte da torcida anfitriã. Com bastante equilíbrio e com uma postura bastante diferente da mostrada no Brasileirão, a equipe do Goiás virou e conquistou a vaga. Sem acreditar e demonstrando um “silêncio ensurdecedor”, a torcida do “porco” não acreditava nos seus próprios olhos ao ver a sua equipe tomar uma virada histórica de uma equipe rebaixada. O Palmeiras, afobado, e desesperado tentava empatar. Mas no fim não conseguiu e amargou a decepção em casa. Festa para o time goiano, que se superou e agora é o representante brasileiro na final. A primeira da equipe em uma competição internacional.

Já no reino do apito, mala Preta ou Branca?

Um dia após a derrota, o diretor de futebol do Palmeiras, Wlademir Pescarmona, não pensou duas vezes ao responder se escalaria os reservas ou titulares diante do Flu, partida válida pela 37ª rodada do Brasileirão 2010;

“Por mim, eu daria W.O. e o time nem entraria em campo no domingo, mas não pode. Isso é um problema do Felipão, é ele quem vai resolver isso”

Confira os jogos da 37ª rodada do Brasileiro 2010;

28/11/2010 – 17:00 – Corinthians/SP x Vasco/RJ
28/11/2010 – 17:00 – Palmeiras/SP x Fluminense/RJ
28/11/2010 – 17:00 – Flamengo/RJ x Cruzeiro/MG
28/11/2010 – 17:00 – Botafogo/RJ x Grêmio Prudente/SP
28/11/2010 – 17:00 – Guarani/SP x Grêmio/RS
28/11/2010 – 17:00 – Atlético/MG x Goiás/GO
28/11/2010 – 17:00 – Internacional/RS x Vitória/BA
28/11/2010 – 17:00 – Atlético/GO x São Paulo/SP
28/11/2010 – 17:00 – Ceará/CE x Atlético/PR
28/11/2010 – 17:00 – Avai/SC x Santos/SP

Com um “empurrão” do apito, Corinthians Bate o Cruzeiro por 1 x 0 e assume provisoriamente a liderança do Campeonato Brasileiro 2010

Por Tiago Evaristo;

Com um pênalti pra lá de duvidoso sobre Ronaldo, o Corinthians derrotou o Cruzeiro por 1 x 0, sábado passado, no Pacaembu, partida válida pela 35ª rodada do Brasileiro, e assumiu provisoriamente a liderança do Campeonato Brasileiro.

A partida polêmica

Um jogo que valia a liderança do campeonato com certeza estaria envolto muita atenção, paixão e principalmente raça. E isso não faltou momento algum no jogo. Apesar da equipe do Cruzeiro ter dominado praticamente toda a partida, quem marcou e venceu foi o Timão. Um pênalti marcado aos 42 minutos do segundo tempo, gerou muita revolta entre os cruzeirenses e parte da imprensa em geral. Gil dividiu pelo alto com Ronaldo, que caiu. O árbitro Sandro Meira Ricci marcou pênalti e foi cercado pelos jogadores da Raposa. Para controlar a confusão Expulsou o zagueiro, Gil que já tinha cartão amarelo, e advertiu Fabrício e Gilberto por reclamação. O técnico Cuca também não ficou de fora e foi expulso. Fabrício, revoltado com a marcação do pênalti, e em protesto abandonou a partida e foi substituído por Wallyson.

A Máfia do Apito esta de volta?

O árbitro (também conhecido como juiz) é o indivíduo responsável por fazer cumprir as regras, o regulamento e o espírito do jogo ou esporte ao qual estão submetidos e intervir sempre que necessário, de forma imparcial e justa, no caso quando uma regra é violada ou algo incomum ocorre. Geralmente os árbitros são designados pela Confederação Brasileira de Futebol, mais conhecida como “CBF”.

Alvo de suspeitas e criticas, o arbitro Sandro Meira Ricci, foi o foco de todas as atenções na 35ª rodada. Apontado como um “bode expiatório” por uns, e visto como uma prova de um grande esquema de “Mala preta” por outros, as rodadas passadas nos fizeram levantar diversas questões sobre um novo esquema de manipulação de resultados no campeonato, a fim de favorecer algumas equipes para a conquista do título. Vale a pena lembrar da “Máfia do Apito”, que ocorreu em 2005. Um nome mais que claro, dado pela imprensa brasileira a um esquema de manipulação de resultados futebolísticos, descoberto por Promotores de Justiça de Combate ao Crime Organizado, em São Paulo, conjuntamente com o Departamento de Polícia Federal. A investigação se tornou pública por meio de reportagem da revista Veja, em outubro de 2005.

Um grupo de investidores havia “negociado” com o árbitro Edílson Pereira de Carvalho (ex-FIFA), para garantir resultados em que haviam apostado em sites. Descobriu-se a participação de um segundo árbitro no esquema, Paulo José Danelon. Ambos, Paulo José e Edilson, foram banidos do futebol e, depois, denunciados pelo Ministério Público por estelionato, formação de quadrilha e falsidade ideológica. A ação penal foi suspensa em 2007 por ordem do Desembargador Fernando Miranda, do Tribunal de Justiça de São Paulo. Em agosto de 2009, o mesmo Desembargador e outros dois colegas determinaram o “trancamento” da ação penal, entendendo que os fatos apurados não traduziam crime de estelionato. A decisão encerrou, assim, na área criminal, a investigação sobre a quadrilha. Existe uma ação civil proposta pelo Ministério Público, na área do consumidor, com tramitação em uma vara cível de São Paulo, ainda sem julgamento definido.

O campeão daquele ano foi o Corinthians, que terminou 3 pontos a frente do 2º colocado, o Internacional. Se os resultados dos jogos não tivessem sido manipulados, o Inter teria sido campeão, 1 ponto à frente do Corinthians…

Entenda melhor a máfia do apito 2010, acessem;
http://www.verdazzo.com.br/dossiegamba2010/

Confira os jogos da 36ª rodada do Brasileiro 2010;

20/11/2010 – 19:30 – Flamengo/RJ x Guarani/SP
20/11/2010 – 19:30 – Grêmio Prudente/SP x Ceará/CE
20/11/2010 – 19:30 – Grêmio/RS x Atlético/PR

21/11/2010 – 17:00 – São Paulo/SP x Fluminense/RJ
21/11/2010 – 17:00 – Palmeiras/SP x Atlético/MG
21/11/2010 – 17:00 – Botafogo/RJ x Internacional/RS
21/11/2010 – 17:00 – Vitória/BA x Corinthians/SP
21/11/2010 – 19:30 – Cruzeiro/MG x Vasco/RJ
21/11/2010 – 19:30 – Goiás/GO x Santos/SP
21/11/2010 – 19:30 – Avai/SC x Atlético/GO

Palmeiras avança na Sul-Americana após a derrota do Atlético Mineiro enquanto Abreu dá show mas não evita o empate dramático contra o Ceará

Por Tiago Evaristo;

Foi diante de mais de 35 mil torcedores presentes, e com um clima de decisão no estádio do Pacaembu, que o Palmeiras derrotou a equipe do Atlético-MG por 2 x 0, e conseguiu a classificação para a semi-final da Copa Sul-Americana 2010. O time paulista soube administrar toda a partida contra a equipe mineira após o intervalo e garantiu a vaga. Apesar da derrota o Galo Mineiro não se abateu, pois não estava focando no título da competição internacional. O Atlético priorizou o campeonato Brasileiro e jogou a partida com a equipe reserva, que, diga-se de passagem, atravessa uma ótima fase e ainda luta para não cair.

A equipe alvinegra ainda esta na incômoda 16ª posição com 36 pontos, a mesma quantidade de pontos do Guarani que ocupa a primeira posição no Z-4, a “famosa” zona do rebaixamento…

El Loco meu

Mesmo com um show de oportunismo do atacante “El Loco” Abreu, o primeiro a demonstrar que já esta perdendo fôlego pela disputa do título foi o Botafogo. O empate em 2 x 2 com o Ceará na noite de quarta-feira, em Fortaleza, deixou o “Fogão” praticamente fora do G-4. Isso porque o Atlético-PR e Grêmio, tem somente 3 pontos a menos, com as partidas a serem disputadas. Uma vitoria de qualquer das equipes tira a equipe Carioca do G-4 e uma preciosa vaga na Libertadores. Já o título do Brasileiro esta praticamente impossível, pois só com uma uma improvável combinação de derrotas dos times que estão à sua frente na tabela o colocaria no topo.

A grande decisão e hoje?

Quarta-feira foi o inicio do fim. As 4 primeiras equipes da ponta que ainda estão na briga ficaram de olho na abertura da 35ª rodada do Brasileirão edição 2010. Essa rodada tem um tempero especial pois teremos o confronto direto de 2 concorrentes ao titulo. Cruzeiro e Corinthians farão hoje uma decisão considerada “a divisora de águas”. Ambas equipes estão na 2ª colocação com 60 pontos cada, somente 1 ponto atrás do líder Fluminense. Uma derrota hoje significa uma perda de chance “drástica”, deixando a competição limitada praticamente ao líder e ao vice.

Confira os jogos da 35ª rodada do Brasileiro 2010;

10/11/2010 – 21:50 – Ceará/CE 2×2 Botafogo/RJ

13/11/2010 – 19:30 – Corinthians/SP x Cruzeiro/MG
13/11/2010 – 19:30 – Santos/SP x Grêmio/RS
13/11/2010 – 19:30 – Atlético/MG x Flamengo/RJ

14/11/2010 – 17:00 – Vasco/RJ x São Paulo/SP
14/11/2010 – 17:00 – Guarani/SP x Vitória/BA
14/11/2010 – 17:00 – Internacional/RS x Avai/SC
14/11/2010 – 17:00 – Atlético/GO x Palmeiras/SP
14/11/2010 – 19:30 – Fluminense/RJ x Goiás/GO
14/11/2010 – 19:30 – Atlético/PR x Grêmio Prudente/SP

Em jogo difícil Cruzeiro, vence o Fluminense e assume a liderança na reta final do Campeonato

Por Tiago Evaristo;

O campeonato Brasileiro tem novo líder. A 29ª rodada deu ao Cruzeiro pela primeira vez a liderança “hora H”, faltando apenas 9 rodadas para o fim do brasileiro.

A equipe Celeste jogou ontem contra o até então líder Fluminense. Um jogo a meu ver “travado” e com um esquema que favorecia uma forte marcação de ambas as equipes. Com um único gol do Wellington Paulista, foi suficiente para somar 3 pontos, abrir 2 de vantagem sobre o vice Fluminense e ainda “assistir de camarote” a desastrosa derrota do Corinthians pelo “rebaixavél” Atético/GO. Digo desastrosa pois além da derrota de 4 x 3 em casa, o “timão” ainda perdeu o seu técnico o ex-cruzeirense (ou ainda cruzeirense?) Adilson Batista, que após a derrota pediu demissão do cargo.

E fato inconstestável que Fluminense e Corinthians, vem perdendo fôlego na reta decisiva, devido a muitos desfalques, falhas, pequenas crises e departamentos médicos lotados… Fluminense sem Fred e agora sem Deco já não e mais o mesmo. Curiosamente ou não após a discussão do atacante Fred com o departamento médico após ter liberado sem condições o tricolor paulista não conseguiu emplacar uma sequência de um candidato ao titulo. A dizer do Corinthians também que com praticamente a metade da equipe fora de jogo (o Ronaldo só joga no Twitter), e agora sem técnico vê as chances mais distantes na “penosa” 3ª colocação.

A receita do Cuca

O Cruzeiro após 29 rodadas se tornou líder pela primeira vez. E com o 7º melhor ataque. Para uma equipe líder ter o 7º pior ataque e um fato horrível. Mas qual foi a receita que o Cuca usou para levar a equipe Celeste a liderança? A resposta esta na defesa. A melhor do campeonato que sofreu somente 26 gols na competição, e contra o “Flu”, a 4ª partida consecutiva sem sofrer nenhum gol. Isso prova mais uma vez que a teoria do técnico Muricy Ramalho está correta. Uma equipe não precisa ter um ataque fulminante recheado de estrelas e “matadores”. A base de uma equipe começa sim na defesa.

CRUZEIRO 1 X 0 FLUMINENSE

Motivo: 29ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia
Data: 10/10/2010 (domingo)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon/RS (Fifa)
Gol: Wellington Paulista, aos 14 min. do 1º tempo
Cruzeiro
Fábio; Jonathan, Edcarlos, Cláudio Caçapa (Gil) e Pablo; Fabrício, Henrique, Marquinhos Paraná e Montillo (Roger); Wellington Paulista e Thiago Ribeiro (Farías)
Técnico: Cuca
Fluminense
Rafael; Thiaguinho, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos (Júlio César); Diogo, Fernando Bob, Deco (Marquinho) e Conca; Rodriguinho e Washington
Técnico: Muricy Ramalho

Na reta final da competição os primeiros colocados tropeçam, e o Cruzeiro aproveita para colocar mais emoção na disputa do titulo do Brasileirão 2010

Por Tiago Evaristo;

Já estamos na reta final do Brasileirão. Agora cada partida e uma decisão. Decisões que mostrará que 1 ponto perdido pode ser “vital” para a pretensão de uma equipe no campeonato. Pontos ganhos ou perdidos, a verdade e que o campeão do Brasileiro 2010, está cada vez mais claro para alguns. Já em contrapartida as equipes da zona de rebaixamento (Z-4), encaram como “uma final” por jogo onde se manter na série-A, e mais compensador do que qualquer título, ou qualquer glória que o campeonato possa oferecer. Até a próxima rodada e claro…

Os favoritos de hoje até o fim;

Desde as primeiras rodadas o Fluminense, mostrou que tem plenas condições ao título e um ótimo elenco para levantar a taça. Apesar de tantos fatores positivos, o Fluminense vem tropeçando no Brasileirão o que ocasionou em uma “dança de posições” com o Corinthians, também um forte candidato, que também vem cometendo tropeços importantes dentro e fora de casa. O exemplo a partida de quarta passada quando foi derrotado pelo Atlético-MG de virada. Já o “Flu” levou de 3 dentro de casa para o Santos. Quem também está na disputa da ponta da tabela e o Cruzeiro. Como um bom Mineiro a equipe vem fazendo uma boa campanha se mantendo no topo, e aproveitando os tropeços dos 2 primeiros. Com uma equipe agressiva e recheada de Argentinos, a equipe Mineira vem fazendo uma campanha solida, e regular. Como não poderia ser diferente alguns tropeços também já lhe fizeram perder algumas oportunidades de ocupar o topo da tabela.

Um sonho distante;

Internacional, Atlético Paranaense, Botafogo e Santos, também mostram algum fôlego para a disputa do título. Embora uma tarefa praticamente impossível, essas equipes estão mais na luta pela vaga na libertadores, e no mais pior das ocasiões uma vaga na Sul-Americana, o que não seria tão ruim assim para equipes que fizeram uma temporada com um maior índice de irregularidades.

Reação com superação;

A equipe do Atlético-MG, ganhou de virada por 2 x 1, a equipe do Corinthians, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas quarta-feira passada em um jogo de dois tempos totalmente distintos. Por ironia do destino com a vitória o Galo Mineiro tirou 3 pontos do até então líder Corinthians e beneficiou diretamente o seu aqui-rival Cruzeiro na disputa do título. Outro fator muito interessante nessa partida foi que com a vitória, a equipe alvinegra conseguiu emplacar, pela primeira vez neste Brasileirão, duas vitórias seguidas após 28 rodadas! O que mostra uma relevante reação para se manter na série-A.

Próximos jogos da 29ª rodada do Brasileiro;
09/10/2010 – 18:30 – Santos/SP x Atlético/PR
09/10/2010 – 18:30 – Vasco/RJ x Grêmio/RS
09/10/2010 – 18:30 – Grêmio Prudente/SP x São Paulo/SP
09/10/2010 – 18:30 – Internacional/RS x Atlético/MG

10/10/2010 – 16:00 – Corinthians/SP x Atlético/GO
10/10/2010 – 16:00 – Botafogo/RJ x Palmeiras/SP
10/10/2010 – 16:00 – Cruzeiro/MG x Fluminense/RJ
10/10/2010 – 16:00 – Goiás/GO x Vitória/BA
10/10/2010 – 18:30 – Ceará/CE x Guarani/SP
10/10/2010 – 18:30 – Avai/SC x Flamengo/RJ

Cruzeiro empata e perde a chance de terminar a 27ª rodada como vice-líder do Brasileirão;

Por Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos do Celeste Blog! O Cruzeiro lutou, atacou, chutou, ameaçou, mas não saiu do empate por 0 x 0 contra o Atlético-PR, na noite deste sábado, na Arena do Jacaré. As duas equipes estavam sendo cotadas como as com a melhor performance no último mês. Apesar das ótimas campanhas o Atlético barrou a equipe Celeste de de encerrar a 27ª rodada na tão cobiçada vice-liderança do Campeonato Brasileiro 2010.

Tropeço?

A noite tinha tudo para dar certo. Com o empate do Fluminense contra Grêmio Prudente, e do Corinthians frente ao Ceará, o time Celeste entrou em campo precisando somente de uma simples vitória para ser vice líder na competição. Mas na presença de 17.254 pagantes, a Raposa atacou incansávelmente os 90 minutos mas foi “barrada” nas grandes defesas do goleiro Neto. Que sem nenhuma sombra de dúvidas foi o melhor em campo.

Uns dos melhores em campo pela Raposa, Thiago Ribeiro deixou claro que a equipe não ficou satisfeita com o resultado, mas embora o empate, os dois primeiros da tabela também empataram;
“Futebol às vezes tem isso, não desistimos em nenhum momento, infelizmente não deu, faltou pouco, mas não podemos baixar a cabeça porque a gente continua a batalha. Os dois primeiros colocados (Fluminense e Corinthians) também empataram, perdemos a oportunidade de diminuir a diferença, mas tudo continua como estava antes do jogo”.

O empate teve um gosto de derrota. Mas embora o empate tenha sido um tanto quanto indigesto, vale a pena lembrar que a equipe Mineira possui agora 48 pontos, e segue com um de desvantagem para o Corinthians e a quatro do Fluminense, líder isolado com 52. A diferença de 4 pontos ainda deixa o Cruzeiro de uma vitória e 2 derrotas de seus concorrentes de uma vice-liderança. E uma posição cômoda na disputa do título. A equipe joga bem, com um camisa 10 acima da média, com bons atacantes, um meio de campo com uma forte marcação e uma defesa sólida. O único detalhe a ser ajustado em uma equipe tão forte? A superação. Não só da parte física e sim da ansiedade em estar no primeiro lugar…

O próximo jogo da equipe Celeste será em Goiânia contra o Goiás, na quinta-feira, às 21:00 hrs.

CRUZEIRO 0 X 0 ATLÉTICO-PR

Motivo: 27ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas
Data: 02/10/2010 (sábado)
Árbitro: Paulo Henrique de Godoy Bezerra (SC)
Público: 17.254 pagantes
Renda: R$ 229.932,50.

Cruzeiro

Fábio; Rômulo (Jonathan), Cláudio Caçapa, Edcarlos e Pablo; Fabinho, Henrique, Everton (Roger) e Montillo; Thiago Ribeiro e Farías (Robert)
Técnico: Cuca

Atlético-PR

Neto; Élder Granja, Manoel, Rhodolfo e Paulinho; Chico, Deivid, Branquinho, Paulo Baier (Nieto) e Ivan González (Guerrón); Bruno Mineiro (Maikon Leite)
Técnico: Paulo Cezar Carpeggiani
Cartões amarelos: Cláudio Caçapa e Jonathan (Cruzeiro); Bruno Mineiro, Chico e Guerrón (Atlético-PR)

Charge Duke

http://www.dukechargista.com.br/

Pré-Jogo – Raposa continua sagaz em busca da ponta e enfrenta hoje o Atlético/PR

Por Tiago Evaristo;

O Cruzeiro realizou na ultima rodada uma partida com cara de “jogo treino” contra Atlético-GO, e venceu por 3 x 0 na Arena do Jacaré. Tamanha facilidade que a Raposa teve, que foi capaz de dominar a partida o jogo inteiro, com direito a mais um golaço e comemoração estilo “pocotó, pocotó” do maestro Argentino Montillo. (Comemoração criada pelo mesmo, fazendo uma referência a um jogo chamado Read Dead Redemption, que o craque gostava de jogar nas concentrações com os seus ex-colegas de Universidad de Chile). Cruzeiro segue na ponta e na cola do líder com 47 pontos, 1 a menos que o Corinthians (que tem um jogo a menos).

O Cruzeiro encerrou com um treino físico na manhã de sexta-feira passada, e está pronto para o jogo de hoje, às 18:30hr, contra o Atlético-PR, na Arena do Jacaré. A novidade seria o zagueiro Léo, que após desfalcar o time por duas rodadas em razão de dor muscular na coxa foi relacionado pelo nosso técnico Cuca. Confira abaixo os relacionados;

Goleiros: Fábio e Rafael
Laterais: Jonathan, Pablo e Rômulo
Zagueiros: Cláudio Caçapa, Edcarlos, Gil e Léo
Volantes: Elicarlos, Everton, Fabinho, Henrique e Prediger
Meias: Montillo, Pedro Ken e Roger
Atacantes: Farías, Robert e Thiago Ribeiro

Confira os jogos da 26ª rodada do Brasileirão;

01/10/2010 – 21:00 – Vasco/RJ x Goiás/GO

02/10/2010 – 16:00 – Corinthians/SP x Ceará/CE
02/10/2010 – 16:00 – Santos/SP x Palmeiras/SP
02/10/2010 – 16:00 – Grêmio Prudente/SP x Fluminense/RJ
02/10/2010 – 16:00 – Vitória/BA x Grêmio/RS

02/10/2010 – 18:30 – Botafogo/RJ x Flamengo/RJ
02/10/2010 – 18:30 – Cruzeiro/MG x Atlético/PR
02/10/2010 – 18:30 – Internacional/RS x Guarani/SP

02/10/2010 – 21:00 – Atlético/GO x Atlético/MG
02/10/2010 – 21:00 – Avai/SC x São Paulo/SP

Fluminense, líder novamente até quando?

Por Tiago Evaristo;

Darío Conca. O baixinho Argentino, que a anos atrás era uma grande promessa “falha” tal como seu amigo compatriota Defederico do “timão”. Já aturou até a vergohosa condição de ser reserva do Abedi (nos tempos de Vasco, em 2007). Naquela época era conhecido no Rio como a “pequena decepção”.
Anos se passaram e a má fase também. Hoje incontestavelmente e o melhor jogador do Fluminense e grande responsável pelas belas apresentações da equipe Tricolor. Com um único gol, estilo centroavante nato, o “pequeno craque” selou a vitória por 1 x 0 sobre o Avaí. Com 51 pontos (3 mais que o Corinthians, que possui um jogo a menos).

Corinthians tropeça mas ainda segue com vantagem

O Corinthians, também forte candidato ao titulo não jogou bem na última rodada. Um empate em 1 x 1 com o Botafogo. Lucro do timão, se considerarmos o gol legítimo anulado pelo auxiliar Erich Bandeira e o juiz Leandro Vuaden feito pelo ex-corintiano Herrera… Loco Abreu também fez uma ótima partida a ponto dos próprios jogadores Corintianos reconhecerem;

– “Nos livramos de perder” disse William.

Na base do contra-ataque, Corinthians bate o Fluminense e deixa a disputa pelo título Brasileiro cada vez mais emocionantes entre os três primeiros colocados

Por Tiago Evaristo;

A cada rodada que passa no campeonato Brasileiro, a disputa pelo título fica cada vez mais embolada e indefinida. Que o Fluminense já não e mais o favorito devido os últimos resultados isso era claro (Comentamos sobre a campanha do “Flu” na edição passada). Nos últimos oito jogos, o Fluminense venceu apenas dois. Nos 24 pontos disputados, o time carioca só conquistou nove. Sucessões de tropeços ocasionaram na perda da vantagem que até rodadas anteriores era bastante confortável. Agora com a derrota contra o Corinthians por 2 x 1 quarta-feira passada no estádio João Havelange (Rio), o Fluminense abre ainda mais a disputa, que pega fogo entre os três primeiros colocados. Ambos times agora estão empatados com 41 pontos na classificação. Apesar do empate de pontos o Tricolor segue líder, pois tem 1 gol a mais no saldo. Logo em 3º com 5 vitórias consecutivas, vem o Cruzeiro com 40 pontos.

A briga dos líderes

Na noite que os contra-ataques, fizeram a diferença o Corinthians venceu com gols de Jucilei e Iarley. Washington diminuiu para os cariocas. E bom lembrar que o Corinthians ainda tem um jogo a menos, que será no dia 13 de outubro, contra o Vasco, em jogo adiado da 18ª rodada. Não e de hoje que a equipe Paulista e superior ao “Flu”. Estatísticas mostram que a equipe Carioca tem uma freguesia já confirmada a tempos contra o “Timão” que não perde para o Fluminense desde o 1º turno do Brasileiro 2005. São 11 jogos entre os clubes com 6 vitórias do Timão e 5 empates. Um dos heróis do Corinthians na vitória, o volante Jucilei acredita que o Timão está muito próximo do título do Campeonato Brasileiro. Agora com a mesma quantidade de pontos o volante acredita que o título já e da equipe Paulistana…

“O título está praticamente nas nossas mãos. Tínhamos de ganhar de qualquer jeito. Não estávamos conseguindo bons resultados fora de casa, mas vencemos um adversário muito difícil”

Fluminense já não tão favorito sente o peso do revés…

Um “repentino” desânimo tomou conta de jogadores e comissão técnica da equipe do Fluminense. Ninguém deseja uma derrota no duelo entre líderes. Abatimento que foi facilmente percebido na entrevista pós-jogo do técnico Muricy Ramalho, que entre outras coisas admitiu que a derrota em casa não é de fácil absorção e pôs em risco o sonho do título;

“Não foi uma derrota qualquer. O Corinthians é o time que está lutando pelo primeiro lugar. É importante, porque eles conseguiram uma vitória, ficam moral lá em cima e torna-se difícil parar”

Com mais uma derrota, Atlético/MG é o time que mais perdeu, com a 2ª pior defesa da competição;

Ao contrário do seu conterrâneo e arqui-rival Cruzeiro, os números do Atlético-MG na competição deste ano continuam terríveis. O time é o que mais perdeu entre todas as equipes. Até a 22ª rodada, foram 13 derrotas em 22 partidas. Valores que inclusive ultrapassaram os lanternas Atlético-GO e Goiás, que colecionaram 12 derrotas cada um. Com tantas derrotas, era de se esperar que a defesa do Galo Mineiro se tornasse a 2ª mais vazada do Brasileirão, com 37 gols contra. Pior que a do Galo só a do Goiás, que levou 39 até o momento… A ataque de Diego Tardelli e Obinna também deixa a desejar. Também segundo pior, a equipe de Vanderlei Luxemburgo deve 11 gols. Perde somente para a equipe do Goiás com um saldo de menos 16.

Fluminense ainda e o Favorito?

Por Tiago Evaristo;

Bastou Washington marcar 2 gols na vitória de 3 x 1 sobre o Ceará, quarta-feira no Engenhão na 20ª rodada do Brasileirão, que “curiosamente” o Fluminense quebrou a série sem vitórias que já vinham incomodando sua torcida e aumentando o sonho dos Corintianos. (Que possuem um jogo a menos), “O Coração Valente” como e conhecido agora e vice artilheiro da competição, só perde para os 9 de Bruno César e Elias.

Palmeiras se torna líder, em empates na competição…

Tiago Evaristo;

Quem não tem mais o que também e o técnico Luiz Felipe Scolari. O motivo foi o empate do Palmeiras de 1 x 1, quarta-feira à noite, contra o Vitória em Salvador. Em entrevistas Felipe se demonstra bastante irritado e ainda lança duras críticas contra a sua torcida;

“Foram erros absurdos, infantis, típicos de futebol de várzea. Vou dar exemplo do gol que sofremos, veio de um balão do goleiro deles. É um erro gritante, que não acontece nem em jogo de casados contra solteiros de 60 anos”.

Com mais esse empate, o “Verdão” alcançou uma marca impressionante de 10 empates no Brasileiro. Líder nos empates. A de se concordar com a irritação do técnico Felipão. Em um campeonato de pontos corridos, empatar demais e prejuízo enorme…

Flamengo continua vivendo uma má fase…

Tiago Evaristo

A equipe do São Paulo, derrotou o Flamengo por 2 x 0, com um bom nível técnico mostrado pela equipe. No 1º tempo, o time Paulista dominou completamente o “mengão” que mostrou um futebol no mínimo medíocre na partida. Os gols foram de Marlos e Fernandão, que só tiveram o trabalho de administrar a vantagem no segundo tempo.

Analisando o fim, e o começo da “primeira rodada” do returno

Por Tiago Evaristo;

O campeonato Brasileiro já chegou ao fim do primeiro turno. Com a 20ª rodada, chegamos ao returno da competição. A reta final onde os primeiros colocados, sonham cada vez mais com o título. E onde também os últimos sonham em serem os primeiros, a não ser merecedores do tão amargo e indesejado acesso a série-B.

Fluminense e Corinthians seguem na disputa na ponta da tabela. Cruzeiro, Santos, Botafogo, seguem logo atrás na tabela em uma disputa que promete também lutar pelo o título. Vale a pena lembrar que do líder Fluminense ao 4º colocado a diferença de pontos e de apenas 10 pontos com praticamente 19 rodadas ainda a ser disputadas. Ou seja, o campeonato Brasileiro esta em aberto. Ninguém ainda e campeão, apesar de a equipe do Fluminense ter despontado rodadas atrás devido sua qualidade técnica superior dos outros times, e um técnico especialista do quesito campeonato de pontos corridos. Com tantos pontos positivos que apontam para o time Carioca, e de se esperar que ele cometa erros e perca muito pontos durante a reta final.

Confira os resultados da 20ª rodada do Brasileiro 2010;
08/09/2010 – 19:30 – Fluminense/RJ 3×1 Ceará/CE
08/09/2010 – 19:30 – Cruzeiro/MG 1×0 Internacional/RS
08/09/2010 – 19:30 – Grêmio/RS 2×0 Atlético/GO
08/09/2010 – 19:30 – Goiás/GO 3×1 Guarani/SP
08/09/2010 – 22:00 – São Paulo/SP 2×0 Flamengo/RJ
08/09/2010 – 22:00 – Vitória/BA 1×1 Palmeiras/SP
08/09/2010 – 22:00 – Atlético/PR 1×1 Corinthians/SP

09/09/2010 – 21:00 – Santos/SP x Botafogo/RJ
09/09/2010 – 21:00 – Vasco/RJ x Atlético/MG
09/09/2010 – 21:00 – Grêmio Prudente/SP x Avai/SC

Confira os próximos jogos da 21ª rodada do Brasileirão 2010;
11/09/2010 – 18:30 – Corinthians/SP x Grêmio/RS
11/09/2010 – 18:30 – Flamengo/RJ x Vitória/BA
11/09/2010 – 18:30 – Atlético/GO x Fluminense/RJ

12/09/2010 – 16:00 – Palmeiras/SP x Vasco/RJ
12/09/2010 – 16:00 – Botafogo/RJ x São Paulo/SP
12/09/2010 – 16:00 – Atlético/MG x Grêmio Prudente/SP
12/09/2010 – 16:00 – Avai/SC x Cruzeiro/MG
12/09/2010 – 18:30 -Guarani/SP x Atlético/PR
12/09/2010 – 18:30 -Internacional/RS x Goiás/GO
12/09/2010 – 18:30 -Ceará/CE x Santos/SP

Charges Duke

http://www.dukechargista.com.br/

Charge da Semana (By Duke)

Acessem; http://www.dukechargista.com.br/

Cruzeiro vira na raça, mas peca na defesa e cede o empate aos 45 do 2º tempo

Tiago Evaristo

Bem vindos amigos do Celeste Blog! Jogando no Morumbi contra o Cruzeiro, neste domingo, pela 14ª rodada, o São Paulo saiu na frente, sofreu a virada no 2º tempo e empatou nos últimos minutos, garantindo o empate por 2 x 2. Péssimo para o time Paulista. Horrível para o Cruzeiro, que devido o empate ainda não entrou no G-4.

O estreante técnico do São Paulo Baresi não teve alguns titulares, como a dupla de zaga Alex Silva e Miranda e o volante Rodrigo Souto. Já a equipe Celeste realizou a tão esperada estréia do argentino Montillo, que fez uma ótima partida e participou diretamente do segundo gol com um lindo passe. Gil e o meia Roger, também voltaram a equipe. O empate foi péssimo para a equipe mineira. Agora com 21 pontos, ocupa a 5ª posição. Mais uma rodada, e mais uma chance desperdiçada de entrar no G-4.

A partida

O São Paulo dominou o primeiro tempo, o que ocasionou em grandes defesas do melhor goleiro do Brasil na atualidade Fábio. Com uma formação alem do normal a equipe anfitriã controlou o meio, e com boas saídas de laterais investiram mais em bolas aéreas. Era de se esperar que com mais posse de bola o Cruzeiro fizesse um maior numero de faltas. E foi justamente em uma inocente cobrança de falta pelo lado esquerdo, perto da linha de fundo, que o Jean lançou para Casemiro cabecear no gol. 1 x 0.

A virada e o empate…

Atrás no placar, a Raposa veio mais agressiva para o 2º tempo. Não demorou muito para a posse de bola se tornar Azul. Foi quando aos 22 min, a agressividade gerou um gol chorado. Devido um cruzamento pelo lado direito, a bola sobrou para Thiago Ribeiro, que finalizou obrigando o goleiro Rogério Ceni defender. No rebote, Ribeiro cruzou para o meio da área quando Wellington Paulista, cabeceou para o fundo das redes 1 x 1.

Com o empate o time da Toca veio atrás da virada e conseguiu. Aos 38 min, Montillo fez lançamento digno de craque para Thiago Ribeiro, nas costas da defesa, que so teve o trabalho de driblar o Rogério Ceni. E que virada 2 x 1.

Aparentemente com a vitoria em mãos na partida. O time Celeste foi gracejado com mais um gol aos 45min, do 2º tempo! Fernandinho entrou com liberdade pelo lado direito e cruzou para Ricardo Oliveira, que ate então não tinha feito nada na partida, girar e marcar. 2 x 2. Na próxima rodada, o Cruzeiro recebe no domingo, às 18:30 hrs (de Brasília), o Vitória no Estádio Ipatingão. Dessa vez sim rumo ao G-4!

SÃO PAULO 2 X 2 CRUZEIRO

Motivo: 14ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 15/08/2010 (domingo)
Local: estádio Morumbi, em São Paulo-SP
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden/RS (Fifa)
Público: 12.338 pagantes
Renda: R$ 261.086,59
Gols: Casemiro, aos 41 min do 1º tempo; Wellington Paulista, aos 22 min, Thiago Ribeiro, aos 397 min e Ricardo Oliveira aos 45 min do 2º tempo

São Paulo
Rogério Ceni, Jean, Renato Silva, Samuel e Junior Cesar; Casemiro, Carlinhos Paraíba (Jorge Wagner), Cléber Santana e Marlos (Fernandinho); Fernandão e Ricardo Oliveira.
Técnico: Sérgio Baresi

Cruzeiro
Fábio; Rômulo, Gil, Edcarlos e Diego Renan (Caçapa); Fabrício, Henrique, Everton (Everton) e Montillo; Thiago Ribeiro e Wellington Paulista (Robert).
Técnico: Cuca
Cartões amarelos: Casemiro (São Paulo); Rômulo e Gil (Cruzeiro).

Resumão da 13ª Rodada do Brasileirão

Tiago Evaristo;

Com uma vitoria apertada, Fluminense e Corinthians, se destacaram até o momento como os melhores do Campeonato Brasileiro 2010. O Fluminense agora possui uma vantagem do 3º colocado, o Ceará de 8 pontos. A maior desde, 2004 e 2009, (4 pontos). Com a vitória apertada de 2 x 1, sobre o Grêmio no Olímpico, o Tricolor Carioca faz a melhor campanha de pontos corridos desde o São Paulo em 2006, curiosamente o técnico da equipe paulista na época também era o Muricy Ramalho… Apesar da 2ª colocação, o Corinthians também segue na disputa colado no Fluminense após a vitória de 1×0 contra o Flamengo.

As goleadas da rodada;

Nesta rodada o Timão e o Guarani foram os únicos Paulistas a vencerem. O alviverde paulista venceu o Avaí/SC por 4 x 1. O time Catarinense que até o começo da competição era uma das promessas, hoje e um mero protagonista. A outra goleada da rodada foi na partida entre Botafogo/RJ x Atlético/MG. Na volta de Maicosuel ao Engenhão, e no retorno de Loco Abreu ao time após a Copa do Mundo, o campeão carioca deu show e fez 3 x 0 no Atlético-MG. O Galo perdeu o 9º jogo no Brasileirão e tem apenas 10 pontos, na penúltima colocação. Só não esta pior que o lanterna Atlético/GO. Situação que beira uma crise, e a contestação do trabalho do técnico Vanderlei Luxemburgo por parte da imprensa. Vale a pena lembrar que o Galo mineiro foi a equipe que mais se reforçou na competição (Diego Souza, Daniel Carvalho, Fábio Costa).

Resultados da 13ª rodada do Brasileirão;

08/08/2010 – 18:30 – Atlético/PR 1×1 São Paulo/SP
07/08/2010 – 18:30 – Botafogo/RJ 3×0 Atlético/MG
07/08/2010 – 18:30 – Guarani/SP 4×1 Avai/SC

08/08/2010 – 16:00 – Corinthians/SP 1×0 Flamengo/RJ
08/08/2010 – 16:00 – Santos/SP x Internacional/RS (Adiado)
08/08/2010 – 16:00 – Goiás/GO 1×1 Palmeiras/SP
08/08/2010 – 16:00 – Ceará/CE 0x0 Atlético/GO
08/08/2010 – 16:00 – Grêmio/RS 1×2 Fluminense/RJ
08/08/2010 – 18:30 – Vasco/RJ 1×0 Vitória/BA
08/08/2010 – 18:30 – Cruzeiro/MG 0x0 Grêmio Prutende/SP

Confira os próximos jogos da 14ª rodada do Brasileirão;

14/08/2010 – 18:30 – Atlético/GO x Botafogo/RJ
14/08/2010 – 18:30 – Palmeiras/SP x Atlético/PR
14/08/2010 – 18:30 – Flamengo/RJ x Ceará/CE

15/08/2010 – 16:00 – São Paulo/SP x Cruzeiro/MG
15/08/2010 – 16:00 – Grêmio Prutende/SP x Vasco/RJ
15/08/2010 – 16:00 – Avai/SC x Corinthians/SP
15/08/2010 – 16:00 – Fluminense/RJ x Internacional/RS
15/08/2010 – 18:30 – Vitória/BA x Santos/SP
15/08/2010 – 18:30 – Atlético/MG x Guarani/SP
15/08/2010 – 18:30 – Grêmio/RS x Goiás/GO

Ernesto Farías e apresentado na toca, com promessa de muitos gols

Tiago Evaristo;

Foi apresentado hoje na Toca da Raposa II, Ernesto Farías, considerado a nova esperança de gols do Cruzeiro, vindo do Porto de Portugal, “El tecla” como e conhecido e o penúltimo reforço contratado, e cotado para substituir as atuações do jogador Kléber. Na entrevista Farías se demonstou bastante otimista, e traçou metas ambiciosas com a camisa Celeste;

“Espero deixar minha marca aqui, porque muita gente acredita em mim. Vou tratar de dar o meu melhor. Corresponder em campo e mostrar o agradecimento para as pessoas que acreditam em mim.”

Quando perguntado sobre sua forma de jogar, ele respondeu;

“Sou mais de área. Jogava à frente, mas fui um pouco recuado em Portugal. Sou atacante e, na minha carreira, fiz muitos gols. Não vou mudar minha forma de jogar”.

Ernesto Farías teve 100% de seus direitos econômicos adquiridos pelo Cruzeiro. Para isso o clube mineiro cedeu os 50% restantes do zagueiro Maicon, que já está no Porto. Ernesto estará pronto para estrear com a camisa celeste em duas semanas. Seu objetivo e conquistar o título brasileiro e voltar a Libertadores, dessa vez por um time brasileiro.

Confira a ficha do atacante argentino

Nome completo: Ernesto António Farías
Data de Nascimento: 29/05/1980
Naturalidade: Trenque Lauquen-ARG
Altura: 1,77 m
Peso: 77 kg
Carreira: Estudiantes – ARG (1997-2004), Palermo-ITA (2004), River Plate-ARG (2004- 2007), Porto-POR (2007-2010)
Seleção Argentina: 1 partida em 2005 contra o Paraguai, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2006
Feitos: Artilheiro do Clausura 2003 pelo com 12 gols e uns dos artilheiros máximos da Copa Libertadores 2006 com cinco gols
Títulos: Campeão Sul-Americano sub-20 pela Seleção Argentina (1999); Campeonato Português (2007-2008 e 2008-2009); Taça de Portugal (2008-2009) e Supertaça Cândido de Oliveira (2008-2009)

Com todo mérito, Santos se consagra campeão da Copa do Brasil 2010

Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos! Ontem o Santos se consagrou campeão incontestável da Copa do Brasil 2010. Inédito para o clube, que já se garantiu na Libertadores de 2011. A equipe dos “meninos da vila” são responsáveis por renascer a esperança de renovação de um futebol arte na seleção Brasileira. A contrário do que vimos na Copa deste ano. Mesmo derrotado por 2 x 1 no Barradão, em Salvador, o Santos se consagrou campeão pois na partida de ida ganhou por 2 x 0 na Vila Belmiro.

O peixe que este ano também conquistou o Campeonato Paulista, dando show atrás de show com Ganso, André Neymar e Cia. Se deu ao luxo de ser campeão estadual mesmo perdendo na final por 3 x 2 para o Santo André. Rumo a tríplice Coroa que até hoje somente o Cruzeiro possui no Brasil, quanto conquistou o Estadual, a Copa do Brasil, e o Brasileiro em 2003.

Técnica supera raça

O vice-campeão Vitória, também tem seus méritos. Com 3 atacantes buscou a todo momento o gol, chegando a incomodar a defesa Santista. Muita raça para compensar a falta de técnica. Técnica que sobrou ao time Paulista. Com toques refinados, Robinho foi o maestro ao todo tempo pedir calma e posse de bola para os meninos. Nervosismo que era claro no desespero para tirar a bola da defesa e nos seguidos erros de passe. Apesar da derrota o Santos com o seu futebol arte, e sem nenhuma sombra de duvidas, e o campeão mais que merecido da Copa do Brasil de 2010.

Chivas derrota La U, e vai à final contra São Paulo ou Internacional

Tiago Evaristo;

Bem vindos amigos Celestes! Ontem o Chivas derrotou a LA U por 2 X 0, diante da grande torcida chilena. Embora jogando fora de casa, a equipe mexicana que partiu para cima e dominou os 90 minutos da partida. A primeira partida ficou empatada em 1 X 1. Os gols foram de Xavier Báez, aos 22min do 1º tempo, e Magallón, aos 9min do 2º tempo. Com o resultado o Chivas disputará a final com São Paulo ou Internacional que jogarão na próxima quinta-feira.

A novidade e que São Paulo ou Internacional já estarão no mundial mesmo se o Chivas for campeão da Libertadores. Devido a paralisação do futebol mexicano por causa da gripe suína em 2009, a equipe foi convidada este ano mas não poderá ir no mundial…

Chivas ditou o ritmo dos 90 minutos

Mas quem está comemorando mesmo a derrota da equipe Chilena são os Cruzeirenses. Que terão o jogador Montillo, contratado junto ao clube mais rapidamente. Ontem tive a oportunidade de assistir toda a partida e o comportamento do camisa 10 em campo. Com uma movimentação diferenciada, Montillo, ataca bem, e veloz e inteligente. Em contrapartida eu achei que ele marca bem pouco… Mas no quesito ídolo… Tem tudo para dar certo.

Charge Duke

Mais em;
http://www.dukechargista.com.br/

Em tarde de Clássico da paz e das “Flanelas”, Roger, torna azul a tarde de sábado em Belo Horizonte;

Por Tiago Evaristo;

Na tarde desse Sábado em Belo Horizonte foi jogado o tão esperado “Clássico das Flanelas”, primeiro clássico de Cruzeiro e Atlético Mineiro do ano de 2010, o Cruzeiro venceu o Atético-MG por 3 x 1, no Mineirão, pela sexta rodada do nosso Campeonato Mineiro. Os gols foram feitos pelos zagueiros Gil e Leonardo Silva e pelo meia Roger, e para o Atlético Mineiro quem marcou foi o então desconhecido em clássicos Jairo Campos.

O clássico das Minas Gerais…

Atlético Mineiro e Cruzeiro entraram juntos pelo túnel central do Mineirão com a camisa que pedia paz no futebol mineiro. Já nas torcidas era visivél na parte do Cruzeiro uma imensa massa “alaranjada”. Começava de fato a tão comentada “operação flanelinha” organizada pela torcida Cruzeirense contra o seu rival Atlético. Torcida que não se cansou de provocar um só minuto sequer o Atlético Mineiro por não ter classificado à Taça Libertadores de 2010, deixando a vaga para o Cruzeiro nas últimas rodadas do Brasileirão de 2009.

O time Celeste começou a partida partindo com tudo. Com toques e jogadas, o Cruzeiro rápidamente acabou envolvendo o time do Atlético devido os seus toques de bola. Mais tranquilo no começo do jogo, o Cruzeiro seguiu dominando o adversário com descidas rápidas no ataque. Logo no começo do jogo, Henrique rolou para Kléber na entrada da área. Gladiador vendo o bom momento não procurou dominar bem a bola e bateu de bico à direita do gol. Perdeu um gol feito.

Foi então que o Atlético resolveu descer criando jogadas com Tardelli e o atacante Muriqui, que jogava aberto pela ponta direita. Aliás Muriqui diga-se de passagem foi o melhor jogador do Atlético em campo. Talvez foi o único que sentiu o peso da camisa do Atlético e vestiu ela com respeito. Nessas descidas velozes do Muriqui o Atlético teve seis escanteios seguidos a seu favor, mas não teve calma para criar nenhuma jogada ensaiada ou ate mesmo conseguido cabeçear ao gol.

Sobre pressão, o Cruzeiro precisou das estrelas de seus jogadores brilharem em campo, quando Leandro lançou Diego Tardelli na ponta esquerda da área e o atacante viu a saída de Fábio, deu um toque “sutil” por cima do goleiro celeste. Foi quando em jogada fantástica, Leonardo Silva conseguiu tirar a bola em cima da linha de gol. Um lançe digno de clássico!

Muriqui estava mesmo inspirado na partida. Logo após o lançe do Tardelli, partindo em velocidade foi à linha de fundo, driblou Diego Renan e cruzou. A bola passeou na pequena área do goleiro Fábio e não encontrou nenhum jogador Atleticano. O alvinegro começava a perder muitas oportunidades…

Sobre forte pressão, Cruzeiro cobra escanteio com Gilberto, e Gil chuta para o gol de direita. A bola desviou no contra-pé lateral-esquerdo Leandro, antes de entrar no gol do fraquíssimo Carini.

Apesar do gol o Atlético continuou fazendo pressão ate conseguirem o empate. Na cobrança de falta de Coelho na direita. Jairo Campos chutou para grande defesa de Fábio que até hoje não sabemos o porque ele não esta na seleção ainda. No rebote, o zagueiro finalizou.


Após um primeiro tempo eletrizante o clássico tomou uma forma mais tática no segundo tempo, até que o Adilson Batista promoveu a estréia do meia armador Roger, uma das novas contratações para Cruzeiro para a temporada de 2010, fazendo uma assistência de cobrança de lateral, resultando no gol de Leonardo Silva, e minutos após novamente foi protagonista de um golaço de perna esquerda no canto do goleiro Carini. Foi uma estréia de “Gala” com direito a “Transformação em Raposa Celeste”. Já que no seu primeiro gol pelo Cruzeiro ele foi comemorar com o mascote do time o “Raposão” teve sua cabeça literalmente “arrancada” pelo Roger que usou a cabeça se transformando em raposa.

Cruzeiro assumiu a vice-liderança com 12 pontos, 1 ponto atrás do Democrata de Governador Valadares, líder com 13. Já o Galo permaneceu na 6ª posição com 6 pontos em 5 partidas….

Roger começou a partida no banco, particulamente eu não esperava que ele fizesse uma estréia em clássico. Mas para a minha supresa e a de todos creio, Roger foi chamado pelo técnico Adilson Batista aos 26 min do segundo tempo, momento que o Cruzeiro passava por dificuldades de saida de bola e marcação principalmente na entrada da zaga do Atlético. Foi o grande nome do time celeste. Entrou e convençeu. Enquanto no Galo na minha opinião foi o veloz Muriqui.

“O clássico das Flanelas” Sábado (20/02/2010), foi com certeza mais um grande jogo do nosso campeonato Mineiro! Digno de grandes jogadas, grandes momentos, e grandes jogadores! Mineiro de Minas Gerais! Alegrem-se pois em nenhum lugar no mundo existe Um clássico igual ao nosso!

ATLÉTICO-MG 1 X 3 CRUZEIRO

Data: 20/02/2010
Árbitro: Renato Cardoso Conceição (MG)
Local: Estádio Mineirão, em BH-MG
Público: 41.591 pagantes
Renda: R$ 988.227, 50

Gols: Gil aos 22 min e Jairo Campos aos 30 min do primeiro tempo; Leonardo Silva aos 37 min e Roger aos 43 min do segundo tempo.

Atlético-MG
Carini; Coelho, Werley, Jairo Campos e Leandro; Jonilson (Marques),Correa, Renan Oliveira (Obina) e Ricardinho (Júnior); Muriqui e Diego Tardelli.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Cruzeiro
Fábio; Jonathan, Gil, Leonardo Silva e Diego Renan (Pedro Ken); Elicarlos, Henrique, Marquinhos Paraná e Gilberto (Roger); Kleber e Thiago Ribeiro (Bernardo).
Técnico: Adilson Batista

Cartões amarelos: Kleber (Cruzeiro); Leandro, Jonilson, Coelho e Jairo Campos(Atlético-MG).

Postado e escrito por; Tiago Evaristo “Celeste”


Meu Perfil;

Acadêmico de direito, colunista do Jornal Folha do Lago, blogueiro por opção e com opinião, Praticante de Jiu-Jitsu, Cruzeirense apaixonado pelo melhor time brasileiro do século XX. Fui testemunha ocular de grandes jogos, e grandes jogadores. Imparcialidade, seriedade, e credibilidade ao nosso futebol mineiro, e claro, o nosso querido clube "Celeste", o terror da Sulamérica.

O que você acha?

Mais enquetes em 2012!

Agenda Celeste

agosto 2016
S T Q Q S S D
« out    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Adicione seu email e clique para assinar nosso blog e receber notificações de novos artigos por email grátis!

Junte-se a 5 outros seguidores


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.